Bom dia!

Em 1913 o Blogue era o bolha Imobiliária. Eu usava meu nome quase real, o Pandeiro estava na Padaria, PP ainda não era podre de rico, a Rosinha sequer tinha começado a expropriar barbudinhos, o Veigalex nem tinha comprado seu apê, véio Lucas enchia o saco com alguma moderação… ainda achávamos que o PT jamais sairia dessa merda e os imóveis valorizavam 300% ao ano, bastava comprar dois, um para morar e outro para investir.

Ali, já havia um grupo de bolhistas – nem se usava este termo ainda – que se dedicava a faina de pensar no que fazer quando o caos chegasse de vez, pois obviamente chegaria (vejam bem que nesta época, 2012, 2013, a Venerruela ainda tinha comida e a zueira era quando os caras vinham pra cá tirar selfie com papel higiênico…), já que as perspectivas de mudança eram quase zero. Pensem que era um ano bombante, e todo mundo ainda estava meio receoso, ainda debatíamos com o CA sobre soft e hard landings, etc.

Semnick, Shakespeare, mais uns outros que lamentavelmente não vou lembrar de cara, passavam relatos sobre a importância de ser um “prepper”, isto é, um cara “preparado para tudo”. E isto incluia todo um cabedal de noções de sobrevivência, autogestão, controle de alimentos e estoques, cuidados com moradia e deslocamento, guardar bens de valor e criar meios para possuir armas de fogo e outras letais ou não.

Sobrevivencialistas. Era o lance do caos: Se aqui venezuelizasse de vez, alguém teria de se proteger do caos. Tipo os zumbis do filme do brad pitt, seruam hordas incontroláveis de bananenses, coisa pior do que qualquer vírus ou bactéria potente já criada pela mão humana de algum russo insano… Criaturas naturalmente inclinadas ao roubo, furto, saque, destruição. E você e sua família no meio desta merda. Parece roteiro de videogame da Sony, eu sei.

Guardar arroz e feijão na garrafa PET, arrumar um sítio afastado e criar mecanismos de segurança, entender como estender a validade de alimentos, criar algum meio de geração de energia, flitrar água e conter esgotos, dominar algum meio de comunicaçao primitivo, saber usar armas, ter um gerador enterrado debaixo da casa pra não fazer ruído e chamar a atenção das bestas incultas, etc.

Estamos agora no século XXI, as coisas andaram de uma forma completamente diferente do que esperávamos, mas tudo ainda está se movendo, nada é definitivo. Nem eu esperava o que aconteceu em 2013, eu ainda achava que havia lguma explicação razoável para o caos que se avizinhava. Depois das primeiras cem jardas corridas do Batalhão de Choque, tomei vergonha na cara e entendi que eu estava do lado errado da conta. E a poítica deu um twist duplo carpado de costas.

Estou contando esta historinha para lembrar que primeiro, NADA é certo neste páis, segundo, Qualquer previsão pode ser terrivelmente furada ou absurdamente certa, depende apenas de quem a lê e confere seus resultados, e terceiro, não subestimem o poder de quem domina seu métier. Falam em grandes fomes, crises de alimentos, desastre mundial, sem lembrar que há meros trinta anos atrás SIM, morreríamos de fome mesmo. Não se surpreendam, analisem os fatos.

Bom dia!

24+
  • Tekinhasp 5 de janeiro de 2020 at 08:37

    First

    1913!? Me senti velha 👵🏼

    8+

    • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 08:45

      YES

      Pra tu ver como era complicado ir postando a punho, caneta de tinteiro… um porre 😛

      8+

    • Tekinhasp 5 de janeiro de 2020 at 08:47

      Posso falar uma besteira pra vcs!? Cheguei aqui em 2012 depois de voltar de um apartamento na Planta que custava caríssimo e nem tinha sacada. Quando veio esses papos aí de sobrevivência, meio que fiquei maluca e queria fazer o que a galera estava aconselhando: comprei luzes de emergência (até hoje são usadas no quarto do filho a noite, melhor que muito abajur, rs) e comprei aquelas caixas quadradas que tem grade de mil litros para aproveitar a água da chuva e guardar para alguma coisa. No fim, desencanei e segui a vida. Até comida estava estocando kkkkk. A SemNick me deixava apavorada.
      As coisas podem mudar, como bem o Barna disse.

      12+

      • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 08:53

        kkkkkkkkkkkkkkkkk

        É exatamente disso que estou falando. Tem de ter calma, se fala em crise alimentar, em encarecimento dos alimentos mas ninguém perde seu tempo analisando o tamanho do nosso potencial. Podemos aumentar a produção em uns 20% só com ampliação emergencial de áreas ocupadas anteriormente por produção e hoje liberada para pasto. Temos um regime hidrológico razoável e hoje plantamos em todo o país – a foto do post é de um milharal em sergipe.
        Devolver uma Raposa Serra do Sol pros arrozeiros daria quase cinco milhões de sacas anuais de arroz, e ali é uma fronteira agrícola, apenas! a EMBRAPA tem vários programa ativos, e temos multinacioanis que investem forte e investiriam muito mais com a necessidade de mais alimentos. Sejamos racionais, pode se preparar, mas tem de olhar ao redor.

        8+

        • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 10:39

          Se a Banânia fosse organizada, era isso mesmo. Mas aí não seria Banânia…

          Vejamos, o caso da Raposa Serra do Sol. Criação de reserva por pressão das ONGs, sendo que até os índios (supostos beneficiários) acabaram dando-se mal.

          E outra: lembrai-vos de que os insumos (máquinas, agrotóxicos, fertilizantes) empregados no agronegócio são IMPORTADOS.

          (Sim, isso é ridículo, principalmente levando-se em conta a importância do agronegócio para a Banânia.)

          Se der alguma S**T lá fora, danou-se.

          6+

      • Mr. Mxyzptlk 5 de janeiro de 2020 at 14:35

        Idem, 2011.

        1+

    • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 10:31

      (2)

      Sou coroa, mas achava que não fosse tanto. rs

      2+

      • bolha buritis 5 de janeiro de 2020 at 10:34

        Kkkkkkkkkk

        0

      • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 11:15

        MAus aê 😉

        1+

  • bolha buritis 5 de janeiro de 2020 at 09:15

    Oi

    Prevenir é melhor que remediar. Guarde na fartura e tenha tranquilidade nós períodos ruins.

    5+

    • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 09:19

      Estou lembrando de quando o pessoal quase endoidou com isso. A Tekinha tá aí de prova…!

      4+

      • Tekinhasp 5 de janeiro de 2020 at 09:21

        Quase comprei gerador de energia tb kkkkk.

        3+

        • Neco 5 de janeiro de 2020 at 10:29

          2.

          Mas o racionamento só não veio pq o país parou logo no início do segundo governo da Dilma. Foi uma travada impressionante de um dia para outro, e aí o consumo caiu o suficiente para não precisar racionar.

          5+

      • bolha buritis 5 de janeiro de 2020 at 10:01

        Eu cheguei atrasado, acho que 2013, mas lembro sim.

        0

        • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 11:17

          JOVEN

          0

          • bolha buritis 5 de janeiro de 2020 at 17:39

            Yeahhhhhhhhhhhh !

            0

        • Renan.Spolon 5 de janeiro de 2020 at 13:35

          Também cheguei nessa época, 2012-2013. Via ao meu redor que o país estava desmoronando e queria entender as causas e como escapar disso. Aprendi muito aqui com vocês. 🙂

          6+

  • windville 5 de janeiro de 2020 at 09:48

    Bom dia folks,

    Bom texto barna, parece realmente que isso aconteceu a muito tempo atrás. Isso me lembra a eleição de 2014 e a copa daquele ano. E cá estamos em 2020, vamos ver o que o ano nos reserva.

    0

    • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 10:26

      a copa daquele ano

      Booooooo! 🙂

      Banânia é 50 anos em 5. Para o bem e para o mal. Uma verdadeira montanha-russa.

      2+

      • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 11:17

        Foi Um Ano Muito Louco

        1+

      • Luna 5 de janeiro de 2020 at 12:06

        A copa…o 7×1…foi um dos dias mais divertidos aqui no blog kkkk.
        Comecei a acompanhar em 2012 também. Esse pessoal me ajudou muito com suas dicas.

        8+

        • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 12:16

          Ah, sim, o 7 x 1 foi um troço épico. Será lembrado pela eternidade! ;P

          6+

          • bolha buritis 5 de janeiro de 2020 at 12:20

            Nunca esquecerei, kkkkkkkkkkkkkk

            Pena que só assistia.

            1+

          • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 18:09

            🙂

            0

    • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 11:02

      Impressionante que, nessa época, a Europa e o Canadá ainda pareciam excelentes opções para vazar da Banânia.

      Isso foi antes da invasão dos cabeças-de-pano. Agora, para ir ao Canadistão, já é para pensar duas vezes. Europistão? Pular da frigideira e cair no caldeirão.

      9+

      • Rodrigo 5 de janeiro de 2020 at 12:07

        pareciam e eram, naquela época não tinha acontecido ainda a invasão.
        Foi tudo muito rápido.
        Venezuela foi de potência a passadora de fome em uma década; Argentina está indo em 5 anos.
        Fomos salvos do destino que se apresentava por várias ocorrências, mas poderíamos estar usando os geradores e a comida estocada.

        8+

  • bomberman 5 de janeiro de 2020 at 09:53

    Em 2013 tava no olho do furacão, tomei bomba de gás e tudo uheuhe mas não acho que estávamos errados não. Ali foi um momento que a população teve pra ventilar a raiva, talvez o primeiro. O povo foi pq tava puto, era roubado na cara dura em todos os níveis, era representado por uma neandertal e os corruptos mais do que alopravam – ok, não mudou tanto assim. Anyway.. O povo tava era puto com a porra toda e queria acabar de vez com aquele bacanal. Era o auge da Dilmanta, dos Lacrantes e dos Asseclas, uma época horrível que não quero revisitar de jeito nenhum.
    E, na real, se foi puxado por gente mal intencionada e errada, foda-se, ninguém tava ligando pra isso na hora, sabe pq? PORQUE ELES PERDERAM A PORRA DO CONTROLE. Tinha de tudo ali, bombeiros, nerds, mulheres, velhos, revoltados e bombers sem nenhum caralho de pauta comum. A proporção do acontecimento foi totalmente espontânea e esses FILHOS DA PUTA ficaram com medo, por isso a repressão ali foi tão forte e rápida, fizeram de tudo pra sufocar a porra do movimento – MODO COMUNA ON. Como disse um amigo meu, se tivesse tido algúem pra capitanear aquilo tudo, a história do bananil seria diferente.. Lewandowskis, Sarneys, Dilmas e Lulas já estariam na forca há mto tempo.. Isso e progressistas degenerados.

    14+

    • Final Countdown 5 de janeiro de 2020 at 10:03

      2013 foi FODA
      Famoso Cisne negro
      Cara, acamparam na frente da casa do Cabral
      ANTES DE SABEREM DA VERDADE VIA LAVA JATO

      10+

      • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 11:19

        O povo SABIA que o Cabral era ladrão. Todo mundo sabia mas aceitava.

        Eu VI GENTE ROUBAR EXPLICITAMENTE PARA SUA CAMPANHA. Fato, coisa claríssima, e muito mais gente viu as merdas que essa gangue – ele não fez soxinho, era muita gente – arrumou aqui no Hell.

        MAs deu pau, uma hora o pessoal cansou de aceitar.

        6+

        • Manco 5 de janeiro de 2020 at 11:25

          Será que o Ghosn tem envolvimento com o Cabral, cara aquele terreno pântano que “doaram” para a Nissan, fora o terreno para um centro tecnológico em Jacarepaguá não me cheira bem.

          3+

          • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 11:28

            Essa tava fácil de procurar.

            -https://veja.abril.com.br/economia/nissan-aponta-ligacao-entre-ghosn-eike-batista-e-sergio-cabral/amp/

            -https://amp.ft.com/content/c31f42cc-fb9b-11e8-aebf-99e208d3e521

            -http://acobrasil.org.br/congressoacobrasil/2018/noticias/detalhes/8539

            3+

            • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 11:31

              Já ia falar que essa era MOLE… facinho de achar!

              2+

              • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 11:32

                Hue. 🙂

                0

              • Manco 5 de janeiro de 2020 at 11:34

                Tiveram que aterrar aquele pântano, o caminhão saía por 300 reais e nós cotamos por fora por preços até 100 reais, porém no contrato para entrarmos no complexo Nissan forçava o uso da aterradora de 300 reais, diziam na época que era do Cabral.

                5+

                • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 11:34

                  Arca da Aliança, acertei?

                  1+

                  • Manco 5 de janeiro de 2020 at 11:45

                    Não lembro o nome

                    1+

              • Na_Volta_Eu_Compro 5 de janeiro de 2020 at 11:34

                Esse cara deve estar envolvido com coisa mais cabulosa, transporte de armas e drogas, por ex…

                1+

  • JPM 5 de janeiro de 2020 at 09:57

    Mas temos que lembrar que a Dilmanta sondou os militares sobre a possibilidade de declarar estado de exceção (ou algo assim) no caso do impeachment… Imaginem se isso tivesse acontecido… Tomada do poder pelo purê, com apoio das FA…
    Então acho que o papo dos preppers foi útil, do ponto de vista das dicas do que fazer. Claro de fazer só depois do ocorrido não é muito eficiente, mas ainda assim estaríamos melhor que o resto, que nem saberia por onde começar.

    10+

    • bolha buritis 5 de janeiro de 2020 at 10:03

      Se Villas Boas fosse comuna, BR teria acabado em 2016.

      13+

    • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 11:22

      repare que não estou criticando o pessoal prepper, estou antes, frisando que qualquer coisa de longo prazo aqui é improvável, e temos de balancear entre cenários totalmente distintos. Não tem como apostar num tema só.

      3+

  • Mutuário 5 de janeiro de 2020 at 09:59

    Aê Pandeiro,

    https://epoca.globo.com/guilherme-amado/consulado-brasileiro-alerta-para-risco-de-detencao-de-turistas-no-mexico-24170573

    “O Consulado geral do Brasil no México emitiu comunicado em que alerta os turistas brasileiros sobre o risco de serem detidos no aeroporto ao visitarem o país.

    O texto diz que caso isso aconteça famílias podem ser impedidas de permanecerem juntas, mesmo caso haja crianças. Afirma também que não há garantia de que comida ou água serão fornecidas regularmente.

    “Número considerável de brasileiros que vêm ao México como visitantes têm sua entrada negada e são obrigados a esperar seu retorno ao Brasil, por horas ou dias, detidos em salas dos aeroportos internacionais mexicanos em condições equivalentes a reclusórios”, afirma o comunicado.

    O texto do consulado também alerta que os turistas barrados “têm todos os seus pertences apreendidos, inclusive telefones celulares, e devem dividir alojamento com outros migrantes detidos, além de dormir em colchonetes plásticos ou bancos de concreto”.”

    5+

    • bolha buritis 5 de janeiro de 2020 at 10:05

      Simples, chama o embaixador e congela o acordo de venda de carros

      6+

    • Neco 5 de janeiro de 2020 at 10:25

      Não sabia disso não, bem complicado.

      5+

    • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 10:43

      #PQP

      Até gostaria de conhecer o país do Obrador. Mas não contava com essa.

      2+

    • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 11:23

      Tinha menina bolada naquele grupo de mochileiros, reclamando que o méxico engrossou sua imigração.

      1+

  • Final Countdown 5 de janeiro de 2020 at 10:23

    SAPOHHA DE BROG, que frequento desde 2010-11, nem lembro… quando ficavam MRK e Miguel Jaco trocando ideia, xingando corvo que aparecia por lá, serve pra ISSO MERMO:
    PREPARAR pra MERDA que vem por aí
    Aliás essa é uma das características dos pessimistas: olhar com RAZÃO e não emoção, imaginar o copo meio vazio, não deixar o que SE DESEJA SER VERDADE influenciar nas análises das variáveis dos fatos
    E SSAmerda de BROgS é a junção de um monte de gente pessimista
    Pra mim, nesses últimos 10 anos, o PIOR momento BRASILEIRO foi entre 6/9/2018 e 01/2019
    Ali se desenhava se Venezueirava de vez ou não
    E ssapohha de quase 10 anos me PREPAROU pra TODOS os cenários

    E eu estava preparado pra vitória do PT

    Por isso continuo nessa merda de pagar BOLETO todo mês pro casal Barnabugo

    14+

    • Neco 5 de janeiro de 2020 at 10:32

      Se não fosse esse pessimistas eu tinha entrado em um financiamento desses de longo prazo pra construír a casa. Hoje tenho a casa 100% quitada, sem financiamento.

      9+

      • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 10:32

        👏👏👏

        0

      • Bruno L 5 de janeiro de 2020 at 10:43

        O mesmo aqui. Hoje ao invés de eu pagar juro pra banco por imóvel e carro ostentação, sou sócio deles (embora menos do que gostaria hehe).

        8+

    • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 11:21

      Obrigado, continue assim 😀

      1+

    • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 18:16

      Miguel Jacó… Cheguei a ver aquela profecia de 05/03/2012.

      0

      • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 18:23

        Miguel Jacó 23 de novembro de 2011 at 18:52
        Gente, através de um estudo sobre o aumento da velocidade com que as informações estão sendo divulgadas na mídia sobre o mercado imobiliário, acrescido aos seguintes fatos:
        -Crescente recessão que agora atinge Espanha, Itália e afeta a Alemanha, divulgado hoje no Estadão;
        -Juros ao consumidor atingirem os patamares do início de 2009;
        -Crescimento de 2012 terá que ser menor (dito pelo BC);
        -Previsão do dólar estabilizar em R$ 2,40 (fuga de investimentos do país);
        -Bolha explodindo na China;
        -Estabilização dos preços, término de construções e aumento atual de ofertas;
        -Inadimplência aumentou em outubro;
        -Endividamento recorde das famílias;
        -Gastos de Natal, Ano-Novo, férias e Carnaval batendo a porta…

        …cheguei à seguinte data limite de oficialização de explosão da Bolha: 05 de março de 2012. Explico:

        Terça-feira de Carnaval é dia 21, durante esta semana e talvez na próxima a imprensa ainda ficará martelando sobre samba, férias, etc, e na primeira segunda-feira de março, que será dia 5, o povo, a imprensa, os “investidores” cairão na real. A Globo divulgará o que já soubemos há um ano, e aí o povão começará a correr…

        Obs: Minha previsão anterior era 3 meses antes da Copa, mas não posso mais ser otimista e fechar os olhos para a realidade.

        Carnaval é dia

        E acertou duas vezes!

        05/03/2012

        http://g1.globo.com/bom-dia-brasil/noticia/2012/03/precos-de-imoveis-no-rio-de-janeiro-e-sao-paulo-comecam-baixar.html

        Três meses antes da Cocôpa.

        http://gshow.globo.com/programas/mais-voce/O-programa/noticia/2014/03/bolha-imobiliaria-mais-voce-debate-alta-nos-precos-de-imoveis-no-brasil.html

        2+

  • Neco 5 de janeiro de 2020 at 10:25

    Bom dia.
    Ótimo texto, me lembro desse tempo.
    Mas a Rosinha falando par estocar água, isso já faz tanto tempo assim?
    Meu Deus, estou ficando velho.

    Eu sou um que fala que os preços vão subir. (Dos alimentos).
    Mas também falo que não adianta estocar. Não adianta ter um sítio e tentar produzir se vc não souber. E lhe digo, é bem complicado.

    Então o único conselho que foi comum em todos esses blogs continua valendo: “não entre em financiamentos de longo prazo”.

    Se hoje vc gasta 20% de sua receita com comida, vc vai passar a gastar mais, tipo 25%, talvez 30%. Daí depende da faixa de renda de cada um. Não precisa se descabelar. É só controlar e não comprometer 100% da renda.

    Se vc hoje consegue economizar um pouco todo mês, se a comida subir, vc vai simplesmente cortar algum gasto e economizar um pouco menos.
    No Brasil eu não acredito que falte comida, a não ser por eventos extremos, tipo greves de caminhoneiros ou coisas assim, mas isso sempre é por pouco tempo.

    Agora eu conheço muitos que já estão com até mais de 100% da renda comprometida, não tem nenhuma margem. É prestação da casa, do carro, alguns aliás de 2carros, prestação de roupa, de móveis, de viagem…
    Qualquer aumento nas despesas vai para esses causar um grande estrago.
    Nesse sentido é meu alerta.

    7+

    • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 11:22

      Ihhh… E saindo aquela coisa de “redução de jornada”…

      Multidões de loucos enfurecidos pelas ruas de Bizarrília. 😱

      4+

      • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 11:24

        VAI SAIR

        E moçada vai endoidar, vai fazer motim, virar ônibus na esplanada. Por mim, isso era pra ontem, topava de boa.

        4+

        • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 11:36

          Virar ônibus na Esplanada, acho que não rola.

          Mais provável haver uma explosão de assassinatos e suicídios. O.O

          0

          • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 11:47

            Vai ter muito chilique, com certeza!

            2+

            • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 11:54

              Ó!

              Povinho que:

              – vive de aparência (tudo para manter a pose – roupas de griffe, viagens ao exterior, carros bonitos, imóveis bolhudaços – tudo no crédito)

              – está sempre de contracheque em contracheque

              – chama reajuste salarial de “aumento de margem consignável”

              Redução de salário vai transformar todo esse cenário de aparências na mais profunda BOSHTA.

              5+

  • Neco 5 de janeiro de 2020 at 10:51

    Essa semana fiz um levantamento mais detalhado sobre a vida no sítio em relação as finanças.
    O que de fato de economiza:

    – não pagamos água e nem esgoto, mas pagamos mais energia elétrica para tirar a água do poço e da sisterna.
    – por ter CNPJ não consegui o desconto de produtor rural na energia elétrica.
    – não pagamos IPTU. Incra é desprezível.
    – como tem lenha se usa o fogão a lenha para praticamente tudo, então um botijão de gás que na cidade durava 25 dias, talvez dure uns 6 meses agora.
    – na alimentação a redução de custo foi pequena, nessa época tem manga. Daí até meu filho reclamou que não aguenta mais suco de manga todo dia no almoço. Também tem bananas, mas quando um cacho fica maduro, ele fica completamente maduro em poucos dias antes que se consuma. Então é melhor dividir com os parentes do que deixar ir fora, e assim como vai, vem também.
    -para criar animais em baixa escala, vi que o custo é maior do que o benefício.
    Moramos a 13 km da cidade, porém estrada de serra, com uma infinidade de quebra molas, apesar do asfalto, o normal é levar de 25 a 30 minutos para percorrer esse caminho.
    – o gasto com combustível reduziu, pq eu não tenho que ir a cidade todo dia, mas se eu for o gasto vai ser uns 500 mês.

    No final o único ganho é qualidade de vida, especialmente do filho que tem muito espaço para correr e brincar.

    Esse ano pretendo plantar algumas coisas quando chover, tipo feijão, milho, etc. Mas daí analise o quanto feijão representa no seu orçamento, quase nada.

    Vejo a coisa bem complicada, aqui no nordeste é muito difícil viver do sítio.

    11+

    • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 10:57

      Like.

      Seria demais querer que pegassem esses posts do Neco sobre a “vida na roça” e publicassem?

      2+

      • bolha buritis 5 de janeiro de 2020 at 11:01

        Like 2.
        Concordo.

        2+

        • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 11:16

          Dá pra arrumar direitinho. Se o Neco quiser, organiza cronologicamente e manda pro meu e-mail ou mesmo posta aqui e a gente publica depois, certinho.

          3+

    • MrCitan 5 de janeiro de 2020 at 11:06

      Muquiranas Rural.
      Em breve:
      – Muquiranas Finanças
      – Muquiranas Viagens
      – Muquiranas History. 🙂

      8+

      • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 11:08

        kkkkkkk

        Ia ser massa.

        0

    • Bolha Capixaba 5 de janeiro de 2020 at 12:16

      Neco, existe um valor não tangível. Você comer a banana que você produz é outra conversa, mesmo que se perca algumas que maduram mais rápido do que conseguimos comer( o nome disso é abundância. Sobra aqui e congelamos para fazer vitamina sem açucar pois a banana é doce demais comparada com a da cidade). Eu moro definitivo em sítio, tenho umas 100 bananeiras, uns 10 pés de abacates, amora, etc. Não fico o dia inteiro correndo atrás das coisas do sítio. Mas da demais as coisas e ai o que acontece quando tem muito banana madura? Deixo para os passarinhos virem comer e cantar perto de casa. rs. Não faz diferença no orçamento.Tudo é lucro pois não gasto com isso. Agora, me pergunta se consigo comer outro tipo de banana, ou pagar 10 reais no kilo do abacate? Ta loko. Cheio de “remédio” os produtos atuais. “Ah, mas não tem como evitar”. Diminua os produtos comuns, e comece a usar coisa do sítio (água principalmente) e todos verão diferença. E qualidade de vida para os filhos fora das telas, cachorro, paz para dormir sem ter um maluco com funk na orelha, etc.
      Enfim, benefícios intangíveis.

      11+

      • Oz 5 de janeiro de 2020 at 12:34

        Escrevemos ao mesmo tempo hehehe

        0

        • Bolha Capixaba 5 de janeiro de 2020 at 12:38

          ehehhe. Mas a ideia é essa. No caso do neco, bomba gasta energia com água, mas só de não ter aquela água com cloro já é uma diferença. è o trade off.
          Frutas e verduras a diferença é brutal
          Colhe a alface e põe na geladeira. dura infinito.

          0

    • Oz 5 de janeiro de 2020 at 12:33

      Neco, mas nem tudo você tem que olhar pro lado financeiro… Exemplo da minha família…

      Meu pai tem uma chácara pequena até, mas usa muito bem o espaço, tem sempre alguma coisa plantada… Ele curte cuidar e tal, uns tempos atrás plantou 20 pés de café na chácara, ele colhe, seca, torra, mói,da um baita trabalho pra tirar 50kg de café (tô chutando), enfim, faz porque gosta… Mas a diferença mesmo está no café que vc fez (com um sabor totalmente diferente), no feijão que vc plantou, no milho que você mesmo cuidou… Nada disso é rentável ou vale pelos fins meramente econômicos, a menos de um apocalipse zumbi-esquerdista (mas isso está longe por hora) o que vale mesmo é pelo prazer de ter, de cuidar…

      Agora o que recomendo mesmo, que não dá trabalho é tipo algumas frutas (manga, limão, goiaba, acerola, abacate, caqui, etc), algumas verduras (brócolis, couve, abóboras, chuchu)… alface e outras hortaliças só se vc tiver paciência de aguar, senão dá mto trampo… Tem que ver o clima tbm, algumas coisas certamente não dá aí no nordeste…

      Uma touceira de cana pra fazer umas garapa vez ou outra tbm é bão hehehe

      Meu irmão vive enchendo as paciência do meu pai pra fazer um tanque e criar peixe, mas sei lá se vale a pena rsrs

      Outra coisa pra ficar de olho Neco, por um catavento pra tirar água do poço, ou mesmo uns painéis solares pra abater a energia, mas tem que ver certinho pra financiar, se vale o crime hehehe

      Muquiranas rural hehehe

      7+

      • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 15:11

        8:00 Muquirana rural
        10:00 Muquirana Esporte
        12:00 Muquirana em revista
        14:00 Vale a pena Muquirana de novo
        16:00 The Love Muquirana School
        18:00 Boteco muqiurana
        20:00 Muquirana Nacional
        21:00 Os Muquiranas Também Parcelam no Cartão
        23:00 Muquirana Hot
        23:15 Clipes musicais

        9+

        • MrCitan 5 de janeiro de 2020 at 16:01

          00:00 – Muquiranas Especial. 😉

          3+

          • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 18:13

            Haha… Show essa programação.

            No BI, BIB e BoB tinha o “Comando da Madrugada”. Tinha que aparecer o Formiga e a Mari por aqui.

            0

        • Oz 5 de janeiro de 2020 at 17:36

          06:00 bom dia Muquirana

          E aos domingos

          06:00 Pequenos Muquiranas Grandes Negócios

          09:00 AutoBBMuquiranas

          2+

          • bolha buritis 5 de janeiro de 2020 at 18:14

            Like, kkkkkk

            0

      • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 18:38

        Criar peixe? Dá uma olhada neste post do Neco.

        -https://muquiranas.com/o-terrivel-efeito-simone/#comment-179896

        0

        • Neco 5 de janeiro de 2020 at 18:54

          Criação extensiva onde tem água e espaço dá certo. O post é sobre criação intensiva.

          0

    • Neco 5 de janeiro de 2020 at 18:35

      Então, eu não olho só o lado financeiro.

      Eita o cachorro roubou o pão.

      0

  • Manco 5 de janeiro de 2020 at 11:15

    Eu ainda acho interessante o assunto de sobrevivencialismo, gostaria de ser os EUA e investir uns 3% do PIB na área militar, mas estou pior que o Brasil.

    2+

    • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 11:20

      Tá ruim mesmo então, hein… kkk…!

      0

      • Manco 5 de janeiro de 2020 at 11:22

        queria pelo menos ter e saber operar uma garrucha para sobreviver uns 30 dias se o apocalipse chegar ehehehe

        1+

        • Renan.Spolon 5 de janeiro de 2020 at 13:52

          Com uns 300 reais mais ou menos em qualquer clube de tiro você aprende na teoria e na prática. E de graça pela internet toda a teoria. 😉

          0

  • Money Addicted 5 de janeiro de 2020 at 11:24

    Interessante esse post….e sou um dos mais velhos kkk apesar nao postar TANTO assim lembro praticamente de todos comecando, vc esqueceu de citar o rato GB e tinha um tambem q eu ria mto com as postagens dele -> Fernando o Arbitrador de Juros

    0

    • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 11:33

      Ah, verdade! mas se for citar geral…kkkk!

      1+

  • Money Addicted 5 de janeiro de 2020 at 11:31

    aproveitando o domingao, tenho que “confessar” algo, estou seriamente tentado a comprar um bolhudo, eh serio

    Incrivel, como a paternidade mto a visao da gt neh?! como vcs sabem ano passado nasceu minha primeira filha e juntando isso com esses juros super baixo. (sem contar a esposa q faz 10 anos q me aporinha sobre isso)

    O que estou pensando

    1 – Alugar em um condo q eu pretenda comprar pra ter certeza que eu gosto do lugar
    2 – Valor aprox de 50% do meu patrimonio
    3 – Comprar com uns 30% de desconto sobre o preco fantasia

    2+

    • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 11:34

      Vou levantar um barraco este ano, pagar ele em 4 anos e depois ver o que faço da vida. Môça quer uma casa, pelo menos, pelo Neném. Achei justo, vou correr pra isso. SE a CEFU4 meter um finame sem indice de reajuste, como aventaram esta semana, então…

      4+

      • Money Addicted 5 de janeiro de 2020 at 11:38

        entao, sobre levantar, eu andei nao fiz nenhum orcamento oficial, mas conversando com uns colegas me falaram entre 2 e 3k o metro construido/acabado (obvio q varia mto de acordo com o padrao) mas meu ponto eh que pelo q tenho visto nao seria vantajoso (somado a dor de cabeca da obra)

        enfim, ainda farei uns orcamentos oficiais pra ter ideia se de fato compensa ou nao

        2+

        • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 11:47

          Isso, periferia fica em 1k o m², mas tem de ser bem relaxado com isso. valor sobe do nada. Comprar pronto sempre é opção melhor.

          2+

        • Viking 5 de janeiro de 2020 at 16:46

          é por aí mesmo.
          para evitar dor de cabeça durante a obra:
          1 – uma vez definido o projeto, não faça mudanças. melhor perder mais tempo decidindo o que quer antes de começar, do que ficar mudando depois, enquanto a obra corre.
          2 – contrate uma empreiteira/construtora confiável ai na sua cidade para executar a obra, e pague conforme o serviço avança.

          2+

      • Nonada 6 de janeiro de 2020 at 08:15

        Assisti um vídeo da CEF nesse sentido.
        Aguarda esse tipo de financiamento que valerá à pena, pois não haverá risco de inflação te destruir ao longo dos anos.

        0

    • Na_Volta_Eu_Compro 5 de janeiro de 2020 at 11:37

      Eu comprei meu 2o esse ano.
      Rende o DOBRO em aluguel frente a LCA do BB.
      Tempos estranhos.

      0

      • Money Addicted 5 de janeiro de 2020 at 11:41

        nao sei qto a lca do bb paga, mas eu tenho lca/i do original pagando 120% 🙂

        onde moro atualmente esta “empatando” venda/aluguel.

        mas ainda do ponto de vista unicamente financeiro, acho o aluguel mais vantajoso, inclusive pq eu nao acredito q esses juros permanecam tao baixos por tanto tempo (apesar de cogitarem mais cortes esse a ano)

        4+

  • g.w. bush 5 de janeiro de 2020 at 11:47

    Bom dia folks!

    Na Banania até o passado é incerto, então todos os cenários devem ser considerados. Por outro lado, a ponderação é importante para não se gastar tempo, energia e dinheiro nos cenários pouco prováveis. Para isso existe o estudo e as discussões do blog: depuração e racionalidade.

    E não esqueçam do mais importante? Saber para onde vai o PMJ no curto e no longo prazo. O principal sempre foi nadar contra o cardume de sardinhas e andar na direção contrária à multidão de bananenses.

    8+

  • Derick 5 de janeiro de 2020 at 11:49

    Esqueceu de mencionar que bananense era chamado de 666…😂 😂 😂

    1+

    • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 11:56

      Era, não. Continua sendo.

      0

      • Derick 5 de janeiro de 2020 at 12:01

        Tinha até um dicionário para os termos mais usados. Várias estórias de trolagens com os corvos e as novelas do PaiXicão, verdadeiros filmes de Apocalipse zumbi onde vários aqui eram parte do elenco.

        1+

        • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 12:15

          O dicionário, acho que ainda tem perdido por aí…kkk

          1+

  • Na_Volta_Eu_Compro 5 de janeiro de 2020 at 12:08

    Seja otimista contigo e pessimista com o que vem de outros.
    Mas nego faz o contrário e não cansa de quebrar a cara.

    2+

  • Mutuário 5 de janeiro de 2020 at 12:08

    Analisando a história, o Brasil já passou por muita coisa péssima! Porém, quando o bicho pega de verdade no mundo este pedaço de terra perdido passa a ser opção!

    Foi assim para a família real com Napoleão invadindo tudo, foi assim para os povos perseguidos nas revoluções do século XIX na Europa, para japoneses na virada do século XX, para outros tantos nas primeira e segunda guerras, hoje para refugiados haitianos, venezuelanos, chineses…

    Isso aqui por ser mais ou menos, mais pra menos, jamais vai chamar muita atenção. Por outro lado, sempre será opção para quem estiver na mais completa merda.

    Então, no caso de um apocalipse zumbi mundial, aqui voltará a ter algum valor por um pequeno período, não porque o Brasil vai melhorar (isso nunca acontece), mas porque o resto vai ficar pior.

    Quanto aos últimos anos, confesso que apostei contra a improvável queda da impedimenta. Não perdi nada, mas deixei de ganhar mais.

    Com o retorno baixo das aplicações no último ano, aumento do valor do imóvel para uso do fgts e diminuição dos juros do financiamento, meti o pé e “comprei” a minha cada própria financiando uma pequena parte. Eu poderia ter pago a vista, mas quis que o banco fizesse a devassa na vida do vendedor para ver se estava tudo ok.

    Nos últimos dias eu estava pensando: e se viesse um crash ainda maior no mercado imobiliário, o que eu faria?

    Provavelmente eu compraria por uma pechincha um dos milhares de terrenos de 800 m2 em condomínio fechado não regularizado que tem por aqui. Faria uma “casa de campo” para passar os finais de semana deitado numa rede, comendo pipoca e tomando Toddy de litro.

    Tenham um plano B, C , D… mas não deixem de viver suas vidas esperando acontecer algo contra qual vc não pode fazer nada. Mantenha a fé e aproveite a vida com sua família!

    7+

  • sem cadastro 5 de janeiro de 2020 at 12:13

    “ O principal sempre foi nadar contra o cardume de sardinhas e andar na direção contrária à multidão de bananenses.”

    Bingo master plus!

    O mindset do blog é e continuará sendo inspirador nesse sentido. Eu às vezes me sinto mais à vontade aqui para tratar destes assuntos, mesmo não conhecendo pessoalmente vocês, do que com outros conhecidos, familiares ou alguns (poucos) amigos. A zumbilandia aí fora tá braba.

    Creio que seja assim com vocês tb.

    Quem sabe um dia tenhamos um boteco muquiranas pessoalmente, regado a cerveja puro malte e carne de primeira na brasa. Sem ostentação, com muita qualidade.

    Por ora, vamos curtir o domingão (chuvoso aqui hoje).

    9+

  • bolha buritis 5 de janeiro de 2020 at 12:17

    URGENTE, SOLD !!!

    Mecum Collector Car Auction – Kissimmee 2020 Day 4

    1+

  • Juliana 5 de janeiro de 2020 at 12:22

    Off topic:
    indo pro hell passar 3 dias com a familia – nao teve jeito de ignorar haha
    quais lugares evitar o role senhores?
    hospedagem vou pegar um hilton bolhudao merrmo na barra e dane-se. PMJ paga.
    valeu.

    2+

    • Money Addicted 5 de janeiro de 2020 at 12:27

      roles para se evitar ? -> nao saia do hotel kk

      5+

      • Juliana 5 de janeiro de 2020 at 12:31

        kkk zoeira ja esperada XD

        0

        • Final Countdown 5 de janeiro de 2020 at 13:41

          foca no eixo litoraneo, centro ao recreio. Simples
          äinnn vacu numa escola disamba?
          TOMANOCU
          nao saia desse eixo. SIMPLES

          3+

          • Filósofo 5 de janeiro de 2020 at 15:18

            É por aí mesmo. E se for pra alguma balada à noite, vai pra uma gourmet, tipo Rio Scenarium.

            1+

            • Juliana 5 de janeiro de 2020 at 15:48

              Ok, dicas anotadas gente. Obrigada. ✌🏽

              1+

    • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 15:22

      Pode ir assim

      – Centro do Hell
      Pode ir no museu do amanhã, aquario, roda gigante, MAR, dar um rolé no CCBB. Use o VLT mas tem de comprar a porcaria do cartão nas estações.
      – BARRA. Pode ir de boa. Mas mais pro final, mesmo…
      – Ipanema, pelo oba-oba e pela fama
      – Niterói, vai de barca, vai no MAC e Icaraí…
      – Bondinho e Urca
      – Cristo, mas de Van

      Se puder, use Uber, evite alugar carro, é uma merda dirigir na cidade.

      6+

      • Juliana 5 de janeiro de 2020 at 15:45

        Obrigadinha 🥰

        1+

      • Filósofo 5 de janeiro de 2020 at 17:43

        Faz tempo que fui no museu do amanhã mas achei uma bomba. Era só balela sobre o aquecimento grobau, não estranharia se agora tivesse uma estátua da Greta lá.
        A melhor coisa de Niterói é a vista do rio de janeiro.
        Recomendo também ir à Petrópolis, 60 km do Rio.

        4+

    • Chuck Norris 5 de janeiro de 2020 at 15:53

      Humilde sugestão. Curta um barzinho legal em Ipanema, uma cerveja na mureta do Bar Urca ou uma volta no Jardim Botânico. Atrações turísticas tipo Cristo ou Pão de Açúcar meio roubada…

      1+

    • bomberman 5 de janeiro de 2020 at 16:27

      Cola na Hell Sul que eu te mostro 😛
      Outra, não precisa gastar muito. Na real, acho até pior, pq os lugares caros/turísticos nem são tão bons assim. Tem um e outro mto pica, mas de modo geral é meh…
      Melhor um prato executivo nas ruas de dentro da hell sul, do que um na orla que custa 70 reais e não tem gosto de nada.
      Ah, na terça vc entra em boa parte dos museus ali do centro de graça.

      0

      • Juliana 5 de janeiro de 2020 at 20:25

        opa, obrigada pelas dicas..
        estarei no hilton da barra. se pá, marcamos balada xique hein.

        0

        • bomberman 5 de janeiro de 2020 at 23:25

          Aí, sim. Te mando uma mensagem dps 😉

          0

  • macacoalbino 5 de janeiro de 2020 at 12:27

    Lembro que apareci em 2014 nesse espaço. Havia me mudado para sp e quando comecei a olhar preço de apto para comprar, como todo bananense, sem um puto na conta, vi que compraria no máximo um negócio de 50 m2, com acabamento duvidoso, mal localizado e em 35 anos. Não era um bananense típico, mas todo dinheiro que ganhara até então havia investido em educação própria. De 2014 para cá aprendi muita coisa da economia do dia a dia graças a esse espaço. Em maio o apto estará quitado, bem localizado, com espaço para o filho correr e ter certa dignidade como criança em uma cidade como São Paulo. Saibam que vocês ajudaram muitas pessoas. Mas também fiquei desesperado naquela época hahaha mas, com as falas do pandeiro, que e mais ponderado , vi que nem tudo e o caos nem tudo e o céu. Vida que segue e obrigado BarnaUgo por esse espaço.

    13+

  • bolha buritis 5 de janeiro de 2020 at 12:56

    NISSAN, QUE PREÇOS SÃO ESSES? | Livina X-Gear S

    1+

  • lord hope 5 de janeiro de 2020 at 12:56

    FIRST NAS COLINAS! 🙂

    bom domingo nostálgicamente pós-apocaliptico…

    Eu posso dizer que fui hiper-mega-prepper… quando alguns aqui estavam pensando em talvez estocar comida, eu estava com a familia de mala e cuia em direção às colinas… Transmontanas 🙂

    Quando decidi sair de banânia eu não estava totalmente certo de que ela iria para o buraco, mas havia uma GRANDE probabilidade disso acontecer, e para mim esse sempre foi o mote para agir: Se algo é completamente inviável e danoso e tem uma razoável chance de ocorrer, não penso duas vezes – faço as malas e digo adeus – rumo ao sossego, que é o que importa.

    Tenho familiares que me dizem “viu, não aconteceu nada, brasil ta melhorando…” mas e se não? não conseguimos desviar de balas, podemos apenas evitar o tiroteio, foi o que fiz.

    Hoje ao olhar para aqueles tempos escuros e desesperantes , vejo como minha qualidade de vida mudou de forma vertiginosa, de como minha familia está mais saudável, unida e feliz, de como cresci em todas as áreas… exceto a capilar… 🙂

    Façam o que tiver de fazer. AJAM.
    O maior arrependimento não é do que fazemos, mas sim do que deixamos de fazer.

    22+

  • Hidden (aquele) 5 de janeiro de 2020 at 13:01

    E se no final, ou bem perto dele estiver uma laskeira só, como dizem os sertanojosos “de arrastar o chifre no asfalto” … Tutto sussa,

    Vai um geladinho ai? https://g1.globo.com/pe/pernambuco/noticia/2020/01/04/picole-de-cerveja-e-criado-por-empresas-pernambucanas-e-vira-aposta-para-verao-e-carnaval.ghtml?fbclid=IwAR1EmN790j2qFg5t-nI7ODtZJffKpd3YtlF1m9k2BjAGLlp0G4wu6Abtd8c

    1+

  • Hidden (aquele) 5 de janeiro de 2020 at 13:05

    Ahhh só pra relembrar… em 1913 a idade média do povo de Bananistao tava abaixo de QUARENTA ANOS!!! sem falar só resto…

    Ahhh e Hermanistaodo Sul vulgo Argentina tinha um dos DEZ maiores PIB do mundo…

    Segue o fluxo.

    2+

    • Hidden (aquele) 5 de janeiro de 2020 at 13:27

      Fazendo um retrospecto, sempre fui mais de blogs financeiros… o último no sitiocao, de 2000 (ou um pouco antes do estouro das dot.com) até 2007 quando enchi o saco das “empresas de valor e teorias de graham e buffetao aplicadas a Bananistao”… ahhh e com relação tb a Peroba que monitorava de perto devido ao $$$ investido e por prestar consultoria lá e ver a mierda que vinha… tanto que vendi Tutto no topo!!! Yeahhh

      Depois, na consultoria em que trabalhava passei a monitorizar imóveis e m2, os xoooovens enricando e comprando dois pra pagar o terceiro… até chegar a ver Nikiti com m2 vendido na loucura de $10,000 !!! Deveria ter negociado meu cafofo…

      Até cair por acaso no site da bolha, nas teorias loucas de fuga pra montanha (se bem que visionárias, se madame Roskoffi não cai tariamos numa mierda bolivariana na) e contas malucas do CÁ sobre a bolha e o estouro (se bem que no geral ele sempre teve certo)!!!

      5+

      • Hidden (aquele) 5 de janeiro de 2020 at 13:32

        Depois, até aquilo virar “loucuras das latrinas da Barra” e outras cositas foi um passo… salvos pelo gongo e pela perspicácia e firmeza do Ughao da Massa e do psolista Barnakowski ne…

        O que deu mais espaço pra papos cabeças, menos previsões apocalípticas e até um espaço pra disgressoes de um Véio sobre “olhar o mundo do alto da Montanha Mágica” até defesa dos dpvats reduzidos e warnings aos catadores de moeda que insistem em ficar à frente do trem “cobrador” Estado !!! Yeahhh

        4+

        • Final Countdown 5 de janeiro de 2020 at 13:44

          mas véio… paga meus DPVAT, vai… tô precisado.
          como anda a safra de café no Sul da terra?
          tem sensação de melhora pro povo de lá?

          2+

          • Hidden (aquele) 5 de janeiro de 2020 at 19:13

            ÉS tem forte influência da imigração europeia de norte a sul… aqui nas montanhas do Sul, muito taliano e tedesco = alemão, povo acostumado a trankeiras laskeira e desgobienro de todo tipo…

            Então, se poupam na fatura magina na época ruim como Bananistao passou… agora melhorando, e a construção começa a reagir !!!

            Economia rural e agro turismo melhorando, já que com a melhora da renda em geral o emprego aparece e o círculos virtuoso pega tração!!!

            0

  • Hidden (aquele) 5 de janeiro de 2020 at 13:34

    Depois, até aquilo virar “loucuras das latrinas da Barra” e outras cositas foi um passo…

    salvos pelo gongo e pela perspicácia e firmeza do Ughao da Massa e do psolista Barnakowski ne…

    O que deu mais espaço pra papos cabeças, menos previsões apocalípticas e até um espaço pra disgressoes de um Véio sobre “olhar o mundo do alto da Montanha Mágica” até defesa dos dpvats reduzidos e warnings aos catadores de moeda que insistem em ficar à frente do trem “cobrador” Estado !!! Yeahhh

    3+

  • Hidden (aquele) 5 de janeiro de 2020 at 13:38

    Duplicou pq foi um período louco mesmo, de 2010 até a Santa Inquisição que queimou a Roskoffi em Fogo Brando…

    E a Lava Jato que expôs como nunca as tripas do sistema e vem queimando muitos e todos em Fogo Alto!!!

    A única certeza? como passaram rápidos os citados 20anos, e como somos “vender almoço pra comprar janta” … mas Ainda bem que temos um grupo seleto que ajuda a pensar meljor!!! Hehehe

    1+

  • Zé do ranho 5 de janeiro de 2020 at 13:54

    Pessoal, vale a pena mesmo assinar o Bastter Blue?

    2+

    • Juliana 5 de janeiro de 2020 at 15:08

      amo! depois q lançaram o modo #pas pra analisar acoes entao.. e pra IR eh uma blz.

      4+

      • Zé do ranho 5 de janeiro de 2020 at 15:24

        Até já”assinei”… falta só digitar o número do cartão…. kkkkk

        2+

        • Juliana 5 de janeiro de 2020 at 15:47

          Passa logo no cartao essa mixaria jhow. 200 pila por ano e cai 5,00 td ano.

          2+

          • Zé do ranho 5 de janeiro de 2020 at 16:36

            Vou pagar sim… Só precisava de um opinião favorável… Kkkkkk

            0

      • Zé do ranho 5 de janeiro de 2020 at 15:27

        valeu!!

        1+

    • Viking 5 de janeiro de 2020 at 16:51

      sim, vale a pena!

      1+

    • Atlas de folga 5 de janeiro de 2020 at 18:45

      Além da assinar o Bastter, leia o blog do Pracinha e peça permissão pra participar do grupo de ZAP dele.
      Tudo está interligado

      1+

      • Zé do ranho 5 de janeiro de 2020 at 19:01

        Favoritei o blog do pracinha!

        0

  • Mordecai 5 de janeiro de 2020 at 13:56

    Esse negócio de brog já vai pra uma década. De transformação em transformação até aqui, esse organismo vivo segue firme e forte. Cachaça do bem.
    Vários foram os melhores momentos. Essa história tem que ser devidamente registrada.
    Será que todos ainda estão vivos ?

    6+

  • Chuck Norris 5 de janeiro de 2020 at 14:01

    Caros amigos, adorei essa retrospectiva. Quanta coisa aconteceu na nossa vida em tão pouco tempo. Como muitos aqui, escapei da merda, enriqueci o suficiente para trocar a iminente compra de um imóvel bolhudo no subúrbio carioca (zona sul “b”) para uma linda casa na serra gaúcha (muuuito além de todas as minhas expectativas mais otimistas àquela época). Pedi demissão do meu emprego, abri uma consultoria e hoje viajo uma semana por mês, volto para trabalhar em casa e faturo 4 a 5 vezes mais do que ganhava no Hell. Posso afirmar: os blogs mudaram o rumo da minha vida, me ajudaram a ter calma e tomar as decisões certas. Vida longa e próspera a todos aqui.

    25+

    • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 15:15

      Coisa maravilhosa, né!

      3+

      • Chuck Norris 5 de janeiro de 2020 at 15:46

        A vida é muito mais imprevisível do podemos imaginar!

        6+

  • windville 5 de janeiro de 2020 at 14:38

    De ontem ainda!

    3+

    • Hidden (aquele) 5 de janeiro de 2020 at 19:15

      Brand new equipment …. yeahhh

      0

  • Filósofo 5 de janeiro de 2020 at 14:43

    Não precisa indenizar nada, já estão sentados numa mina de ouro.
    #imovelvalorizasempre
    https://epocanegocios.globo.com/Empresa/noticia/2020/01/braskem-ainda-tera-de-negociar-desocupacoes-apos-abalo-em-imoveis-em-maceio.html

    2+

    • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 15:11

      Opa
      Tarde!

      1+

      • Juliana 5 de janeiro de 2020 at 15:12

        barnaa, ajuda eu la na pergunta sobre o hell, please.. obrigada..

        1+

      • Filósofo 5 de janeiro de 2020 at 15:14

        ‘Tarde!

        1+

  • Mutuário 5 de janeiro de 2020 at 15:06

    Derick
    Tinha até um dicionário para os termos mais usados. Várias estórias de trolagens com os corvos e as novelas do PaiXicão, verdadeiros filmes de Apocalipse zumbi onde vários aqui eram parte do elenco.

    0

    https://m.desciclopedia.org/wiki/Bolha_imobiliária

    3+

    • Barnabezinho 5 de janeiro de 2020 at 15:16

      Quem fez isso foi o Rato!

      2+

    • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 17:22

      Bastante curiosa essa sátira. Descreve bem o que era a Banânia em 2015.

      Na Banânia é assim: Se não apareceu no Jornal Nacional, então não aconteceu! E quem disser o contrário, é louco!

      3+

    • Derick 5 de janeiro de 2020 at 17:39

      Zoeira never ends… 😂 😂 😂 😂 😂

      0

  • Ed_Bolha 5 de janeiro de 2020 at 15:58

    venho de 2011… Rosinha, GB, Luis, Amadeus de Sampa e tantos outros q ja nem lembro o nick… sei q com certeza alguns ainda seguem aqui com nick diferente. Direito de privacidade…

    O importante eh que como sempre eh ressaltado aqui, eu tambem me sinto privilegiado por todo esse tempo ter tido o grande prazer de ter aprendido, me divertido e me mantido bem informado desde o tempo do first bRog…

    4+

    • Rodrigo 5 de janeiro de 2020 at 16:01

      Eu, coloquei o nick Rodrigo; ai já tinha um, eu não sabia; ele trocou para ex-Rodrigo; alguém lembra?

      2+

    • Ed_Bolha 5 de janeiro de 2020 at 20:57

      *resaltado … so pra aproveitar e lembrar de mais um das antigas; GrammarNazi… hehe

      0

  • Liberal 5 de janeiro de 2020 at 16:40

    Show de texto, Barna! Cheguei por aqui em 2012, achava que o Brasil ia, e estava no UK perdidaço sobre o que fazer. Cogitei retornar e esse blog me ajudou a me manter longe.

    Logo depois a empresa me transferiu pra Trumpland e o blog me ajudou de novo com o manual do Anonymous, mandei 70% do patr pra cá com o USD a 2.25, só tenho que agradecer…

    Participo pouco, mas sempre leio

    7+

  • Viking 5 de janeiro de 2020 at 16:53

    não me lembro como cheguei até aqui, mas ainda bem que dei essa sorte.
    vida longa e próspera ao blog e a todos os bolhistas!

    4+

    • Selíaco 5 de janeiro de 2020 at 16:56

      E-mail do barnugo

      0

      • Viking 5 de janeiro de 2020 at 16:59

        estou falando lá do começo, quando ainda era o blog do boss…não sei como cheguei, só sei que fiquei.

        2+

        • Selíaco 5 de janeiro de 2020 at 17:06

          Eu cheguei em 2011 quando me livrei de um noivado..

          2+

          • Mr. Mxyzptlk 5 de janeiro de 2020 at 18:05

            Eu cheguei logo depois de ver um bolhudinho na planta, com entrada de 6 dígitos, e parcelinha maior do que o aluguel de um apartamento zerado com o dobro do tamanho.

            3+

  • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 17:11

    Derick
    Tinha até um dicionário para os termos mais usados. Várias estórias de trolagens com os corvos e as novelas do PaiXicão, verdadeiros filmes de Apocalipse zumbi onde vários aqui eram parte do elenco.

    1+

    Found!

    Carlos BT 7 de julho de 2014 at 8:21

    GLOSSÁRIO DO FÓRUM

    INTRODUÇÃO

    Trata-se de um guia não-oficial para facilitar a compreensão da peculiar linguagem utilizada por muitos dos participantes do fórum do site da Bolha Imobiliária.

    VERBETES

    200.000 pontos na Bovespa – previsão porca e irresponsável feita pelo consagrado “expecialista” Rick Amorinha sobre o futuro da Bolsa de Valores no curto prazo, fato esse que hoje ele nega ter previsto.

    30%a.a. – pedra fundamental de todo o argumento de vendas dos corretores: todo imóvel valoriza, no mínimo, 30% ao ano. Este é o alicerce básico de toda a bolha: a crença em uma valorização infinita de um determinado ativo. Muito similar ao discurso empregado para edificação de uma pirâmide financeira (Telexfree e BBom).

    666 (the number of the beast)– consumidor brasileiro padrão, ou seja, o “besta” que não tem mínimos conhecimentos de matemática financeira, nem poupa, nem faz idéia de que muitas vezes o endividamento pode arruinar sua vida. Age por impulso e sem usar a razão quando irá tomar decisões que podem comprometer sua vida. Muitas vezes se acha esperto e quer levar vantagem, mas geralmente “paga o pato”. Adora uma varanda “gourmet” e, como hábito, aprecia exibir seu patrimônio para aparentar sucesso.

    Alemon Voador – uma mistura de pseudo “profeta” e “insider” que caiu (do céu) no quintal da RosinhA após um problema no seu parapente. Alega que é o Conhecedor do futuro da Banânia e que trouxe uma mensagem de boa nova aos bananenses: uma era de bem-aventuranças para aqueles que queiram ouvi-lo. Se apresenta como o emissário de um megaultraBanco gigante alemão e que está sabendo o que o Brasil realmente é: a terra de onde jorram rios de leite. Um dos CVRs mais surreais que já foi postado neste site, comparável a algumas passagens bíblicas, como a de Abraão ou de Elias.

    Animador de piscina – atividade profissional muito promissora em virtude dos inúmeros condomínios clube, que foram construídos nos últimos anos, e pela qual, supõe-se, os coRetores (vide corvo) irão optar, depois do evento cataclísmico do PLOC ou MasterPLOC. Conhecido também pela alcunha de Cirilo, que seria um era um “super estagiário” (ou, o “estagiário maravilha”) de um “superbanco” internacional de investimentos que apareceu pelo fórum.

    Banânia (ou Bananistão) – sinônimo para Brasil, já que muitas vezes, o nosso país parece uma verdadeira república de bananas, quase que risível.

    Bananense médio – trata-se do habitante típico da Banânia, que aplica no seu cotidiano a Lei de Gerson, vendo so seus semelhantes como otários que poderão ser explorados em seu favor. Para ele, as leis que buscam assegurar o mínimo de boa convivência são um saco e devem ser desrespeitados, exceto se venham a incomodar a sua paz. Gosta de ostentar, de mostrar para o vizinho que é rico, mas está afogado em dívidas (financiamento imobiliário e de veículo, cartões, cheque pré-datado, agiota etc.). Adora um churrasquinho na varanda “gourmet”, bem como, se reunir com os amigos para beber todo final de semana. Muitos corvos se adequam perfeitamente ao conceito de bananense médio.

    Bolha BOSS – o profeta do Caos. A Cassandra do mercado imobiliário brasileiro. O criador do site (e moderador do Fórum) que anteviu os
    caminhos que estão levando o nosso país para um precipício desde 2010.

    Bolha Imobiliária – na (falta de) visão dos coRetores e “ixpecialistas” que atuam no mercado de imóveis, a bolha imobiliária nada mais seria que “apenas um site na internet que tem como intuito amedrontar e fazer com [que] os preços caiam ao patamar que eles possam trocar seu site por uma casa em búzios, então a todos os corretores não há o que temer nem comentar, quando algum cliente perguntar o que é bolha imobiliária fale que é apenas um site na internet. Cordial abraço a todos e boas vendas.” Fonte: “http://www.ocorretordeimoveis.com/a-bolha-imobiliaria-e-o-corretor-de-imoveis/

    BOLHISTA – seria um membro de uma proto-seita? Seria um crente em um final apocalíptico do mundo como nós o conhecemos? Seria um dos sobreviventes a uma massificação de zumbis-666 que existirão no futuro? Não se sabe ao certo. Existem muitas opiniões controversas, sobretudo em sites como Política & Economia e HT, entretanto, tais freqüentadores do site Bolha Imobiliaria tem uma certeza, não faz sentido que 2,60% da população brasileira que possui mais de 160k dilmas depositados na poupança não possam comprar qualquer imóvel que não seja um da qualidade da MRV, criado para atender Minha Casa Minha Dívida. A forma pejorativa deste vocábulo é bolhota.

    Bolhudo – imóvel com preço inflacionado, geralmente a mais de 4k/m2, ou seja, quatro vezes o C.U.B. (Custo Unitário Básico).

    Bull trap – inversão na tendência de crescimento do preço dos ativos.

    “Cement Index Guy” – Ricardo Amorim (ou como chamam, “Amorinha”), economista e integrante do Manhattan Connection, da Globo News, que defende com unhas e dentes a inexistência de uma bolha imobiliária, sobretudo pelo fato de que o índice de produção/utilização de cimento no Brasil é baixo. Algo totalmente absurdo, sobretudo porque não guarda nenhuma relação com este evento econômico. Conhecido também como Rick Blackberry. O garoto propaganda da destrutora Cyrella.

    CdM (ou CDM) – Comando da Madrugada, ou seja, os bolhistas que acessam o site a partir das 0h00.

    “Check in” – termo utilizado como uma forma de presença no blog.

    “Ciente. Próximo.” – expressão criada para ignorar uma postagem inútil/sem fundamentos, e partir para discutir algo útil.

    “Comprar na pRanta” – contrato de opção de aquisição do direito de compra de imóvel futuro firmado junto às destrutoras. Adquire-se uma expectativa por um preço inflado e financia-se a destrutora. No Brasil esta aquisição de risco é mais cara que o imóvel em si, sobretudo por causa da especulação imobiliária levada às últimas conseqüências, que caracteriza a nossa Bolha Imobiliária. Ou seja, comprar um pedaço de ar e uma promessa que no futuro ele estará cercado de paredes.

    “COMPRE !!! COMPRE !!!! COMPRE !!!” – palavra de ordem dirigida aos desconhecidos, pois, ao falar isso para um conhecido ou alguém da família é se arriscar a ser cobrado depois que ele se ferrar com tal aquisição imobiliária.

    Contabilidade criativa – eufemismo para esconder a fraude contábil realizada pelas destrutoras, a fim de ocultar seus gigantescos prejuízos e alto grau de imóveis no seu estoque, decorrente, sobretudo, do encalhe monumental que está ocorrendo e da massa de distratos realizados pelos investitrouxas.

    Corvo (ou corvotor)– sinônimo para corretor, tendo em vista qualidades negativas atribuídas a este animal, sobretudo o ato de trair a confiança. Também denominados de “coRetores” ou “flanelinha de imóvel”.
    Espécies de Corvo (com a contribuição de Breaking Bad Bolha):
    1) Corvotauro : a mistura de corvo com otário, os nobres profissionais de corretagem imobiliária que por se achar tão “ixpertos”, acreditam que podem repassar os LIXOS por quaisquer valores bolhudos para os 666. Entretanto, como o mercado está desaquecendo, é possível que estes altivos corvos não consigam sequer dinheiro para pagar as suas contas mais básicas… Para eles se aplica o ditado: “Todo castigo para corvo é pouco!”;
    2) Corvossauro: Corvo antigo no ramo, surgido no período jurássico da corvetagem, do tempo da máquina de escrever e quando a profissão exigia, ao menos, o antigo ginasial. Sua primeira negociação foi a Torre de Babel, que no fim não deu muito certo, porque ninguém mais conseguia se entender. Tem carteirinha do CRECI e, por ocasião de suas negociações, desfia um rosário de experiências de negócios passados, todos bem-sucedidos, afinal, quem é o bananense ixperto com coragem para admitir que já levou motumbada?
    3) Corveguete: É a corva-piriguete. Baseia sua abordagem mais em (supostos) atributos físicos e menos na capacidade intelectual. A situação é mais complicada quando a dita cuja avança na idade e começa a abusar de procedimentos estéticos com resultados extremamente duvidosos, piorando a aparência daquilo que já era ruim.
    4) Corvo-Mor : é o dono da urubulária, o rei dos abutres. Coordena e dirige com mão de ferro o time dos corvos. “Honestidade” e “Preço Justo” são expressões proibidas no ambiente de trabalho. Tem um padrão de vida semelhante ao de astros de “roliúdi”, porém é perdulário. Está atolado até o pescoço em “prestações que cabem no bolso”, financiamento de iates até BMWs, pensões para ex-mulheres, filhos e mesadas para amantes. Tendo em vista a elevada carga de compromissos financeiros e o caráter estelionatário de seus negócios, não é de se admirar quando em situações de revés econômico (própria ou de algum motumbado), o dito cujo amanheça, algum dia, com a “boca cheia de formiga”, seja por iniciativa própria, seja por ação de outrem.

    Correntes Bolhológicas – diversas correntes de pensamento, entre os membros do Fórum da Bolha Imobiliária, que apesar de todos acreditarem que a Bolha já estourou, divergem na natureza desta e também em como se dará um Grande Ploc (“Fear”), ou mesmo se ocorrerá algum. Podem ser agrupados em quatro grupos: (a) Bolhistas dos últimos Dias; (b) Bolhistas da Longa Punição; (c) Bolhistas Niilistass; e uma facção que nega a existência desta tripartição que são os (d) Bolhistas Unionistas.

    cRasse Cê – a nova classe média construída por decreto pelo comissariado dos PeTralhas, cuja renda de aproximadamente R$ 1.000,00, e crédito de R$ 15.000,00, é suficiente para adquirir bolhudos de 400k, financiado pela CEF/BB. Uma prova viva da Bolha na qual estamos vivendo e da subversão da lógica na economia.

    Croisfoquis (Crossfox) – segundo muitos bolhistas, trata-se do fetiche e desejo automobilístico de todo 666, só porque é “altinho”. Tal carro é um símbolo da falta de critérios e de reflexão dos 666, já que tal automotor é a representação perfeita de um veículo bolhudo.

    CVR (Caso da Vida Real) – histórias narradas em primeira mão, sobre depoimentos ou fatos pessoais que atestam uma distorção na economia brasileira.

    Çanguii – queda vertiginosa das vendas no comércio atacadista/varejista, decorrente da abrupta diminuição da demanda, tendo em vista o estouro da bolha de consumo.

    Destrutora – sinônimo para construtora. Várias são mencionadas aqui: MêRêVê (ou emeerreve) (MRV, a pior, ligada ao Minha Casa, Minha Dívida), Pé de Gesso (PDG), GafyS/A (Gafisa). Para mim, a pior é a Cyrella. Péssimo acabamento, preços ultrabolhudos, projetos magalomaníacos que destroem a qualidade de vida das pessoas e das cidades.

    Despair – do inglês, desespero, momento clássico em uma Bolha financeira, quando os adquirentes tendem a vender seus ativos, agindo como uma manada, de forma incontrolável, diante da absurda queda dos seus valores. Nos aproximamos de tal fase com o iminente PLOC da Bolha Imobiliária brasileira de 2005-2015. Como disse o Barão de Rothschild: Quando houver sangue [ou Çanguii] nas ruas, adquira bens.

    “fico com meu dinheiro e eles que fiquem com TODOS os imóveis para eles” – constatação óbvia de que hoje vale mais a pena ficar líquido que terminar com um imóvel caro, encalhado e dando gastos todo mês.

    FIPE-ZAP (a.k.a. FINGE-ZAP) – índice utilizado para aferir a ganância dos propriotários, já que não registra o real valor da venda efetivada, mas apenas o desejo que o alienante tem sobre o valor do seu imóvel. Tal índice é também apelidado de Fipe ZapZun, que só faz subir e ratifica a referida ganância. O seu coordenador é Eduardo Zylberstajn. Em síntese. Trata-se de um pseudo-índice que ignora os preços do mundo real só calcula a ganância imobiliária.

    Flipar – ato de comprar para vender rápido. Verbo favorito de especulador que amanhece em filas de stand, amigo de algum corretor, assina a reserva do imóvel e já de tarde vende com ágio para uma família necessitada. A pratica que ocorria com veículos e linhas fixas se transferiu para este mercado através dos contratos “na planta”

    Foooguuu! – expressão que indica uma certa visão de que os fatos narrados já demonstram uma tendência de explosão da Bolha. Expressão muito utilizada juntamente coma expressão “Çangui” ou “Fogo no Cabaret”. Saiba mais em ‘http://www.youtube.com/watch?v=Y_TOUoe_5tA

    ”Frita !!! Frita !!! Frita !!!” – quando o investidor descobre que se enfiou numa frigideira e será consumido pelo fogo da sua burrice.

    Gardenal para Poodle – remedinho que os corvos andam tomando para tentar aguentar o mercado parado.

    G.O.M.E. – acrônimo para Grande Onda Marrom-Esverdeada, ou seja, segundo as previsões de PXPF, trata-se do avassalador tsunami composto de um estranho líquido escatológico, com péssimo odor, que irá varrer a economia do Brasil, transformando a existência das pessoas que aqui vivem em verdadeira substância fecal. Tal G.O.M.E. advirá da combinação da absoluta irresponsabilidade gerencial da economia realizada pelo comissariado petista unida ao way of fe dos 666 , que transformará a economia brasileira em frangalhos, fazendo com que o país regrida aos anos ’80 (inflação + recessão + corrupção ), sem o rock nacional, sob a trilha sonora do Lepo-Lepo.

    GZUSSS ou CHESSUSSS – utilizado para substituir o substantivo próprio “Jesus” em frases exclamativas, nas quais o leitor mostra uma admiração pelas tolices faladas por outros. Exemplo: “Estamos vivendo um momento de acomodação após uma fase de euforia…”. Portanto: – Ai CHESSUSSS!!!

    ‘“Houses of Caraglio” – controvertido vocábulo, que, para alguns, seria um sofisticado empreendimento, longe de tudo, que conta com um Lounge Bathroom, baseado nos Banheiros Públicos Romanos. Para que banheiros, lavabos e suítes dentro do apartamento, que só tomam espaço e dá despesa com vazamento? Com um espaço de convívio coletivo, os moradores ficam mais próximos e ainda passam o tempo interagindo enquanto fazem suas necessidades. Ficará entre a Xoxoteca Gourmet e o Octógono MMA (para reuniões de condomínio) e o “Maison” (apartamento no térreo, bom investimento para voyers que curtem os adolescentes do condomínio vendo sua mulher e filhas tomar banho). Uma das características de um apartamento térreo “Maison Voyer” é a sacada com vidros reflexivos “Espaço de Onã”, com pia com instalações para cremes hidratantes e toalhas de papel. O “Espaço de Onã” bem desenhado, para os dias de chuva ou clima muito frio, dispõe de um revisteiro embuitido e tomadas para cabeamento de TV a cabo ou por satélite. O pacote adulto é dado como cortesia do imóvel. Para outros, por sua vez, o House of Caraglio seria a representação dos hiper mega super lançamentos e condomínios clube, todos vendidos na planta, caríssimos, mal feitos e localizados na P.Q.P., que no futuro se transformarão em favelões verticalizados, dada a inadimplência com as altas taxas de condomínio para manter Xoxoteca e quetais similares.

    Ibagens – sátira com Datena, da Band. Ocorre geralmente quando o leitor quer mais informações sobre um evento, ou mesmo um link para ver vídeos ou imagens.

    ILAC21 – Índice de Luzes Acesas em Condomínios após as 21h. Ou seja, um índice que mede a desocupação dos novos edifícios construídos, pela simples e direta visualização do quantum de unidades ocupadas, após as 21h. Tal aferição é realizada no auge da audiência da novela das 20h, quando todo mundo está em casa.

    ImoBolhiária (ou Urubulária) – local onde os corvos ou corvetores se acomodam para fisgar o trouxa. Geralmente tem maquetes, fotos, cafés, biscoito, iluminação e vários corvos fuçando o notebook. Lugar onde o filho chora e mãe não vê.

    Índice de Gerson – equação (criada pelo Matemático) que busca aferir quanto o vendedor quer dar uma de esperto (“levando vantagem”) sobre o comprador, em uma alienação de imóvel.
    Tal equação tem por base uma relação entre o valor da renda do vendedor e o preço pretendido por esse (pelo seu imóvel), buscando aferir a capacidade deste em adquirir seu próprio bem, por aquele preço apresentado.
    Nas palavras do Matemático: A ideia é simples: se o valor pedido nos imóveis é justo, então os próprios donos dos imóveis deveriam ser capazes de comprar estes imóveis. Se as pessoas querem vender os imóveis por um preço que elas mesmas não dariam conta de pagar, então elas querem levar muita vantagem no negócio (daí o nome Indice Gerson)
    Eis a equação: Indice Gerson = 0,03 * Preço do Imóvel / Renda familiar
    Quanto mais distante o resultado do índice estiver de 1, maior estará demonstrada a ganância do vendedor do bolhudo.
    Para mais detalhes: “http://www.bolhaimobiliaria.com/2014/02/27/indice-gerson-estao-tirando-vantagem-de-quem-quer-comprar-imovel-matematico/

    Insider de Bitcoin – trata-se do indivíduo que, alegando que conhece informações secretas e extraordinárias, vem ao fórum dizer que BitCoin é um bom investimento. BitCoin: “Bitcoin é uma criptomoeda onde a criação e transferência é baseada em protocolos código aberto de criptografia que é independente de qualquer autoridade central.” (Wikipédia)

    Investiotário (ou Investitrouxa) – pessoa que adquire um imóvel (ou vários), geralmente na pRanta) com a firma convicção que irá que vai lucrar 30% ao ano coma valorização infinita deste bem.

    K – do grego “kilo”, mil, uma abreviação para 1000. Exemplo 10k = 10.000. Por sua vez, “kk” significa um milhão.

    Kinder Ovo – imóvel caro, pequeno e com paredes tão frágeis que é possível até ouvir o vizinho roncando e produzindo sons decorrentes da sua flatulência noturna.

    LIXOS – construções feitas de maneira porca e rudimentar na época da prostituição urubulária (ou Bolha Imobiliária brasileira de 2005-2015), sempre com a utilização de software moderno, a fim de, economizando materiais e trabalho, erguer de modo célere e irresponsável a edificação, alicerçada em alvenaria estrutural.

    Jênios – pessoas que fazendo pose de “ixpecialistas” e entendedores do assunto, dão opiniões absurdas sobre temas de economia, ou mesmo, sobre investimentos pessoais. Pode também ser sinônimo dos 666 que propagam aos quatro ventos os grandes investimentos que fizeram, sobretudo em imóveis.

    Manual do Anonymous – passo a passo para abrir uma conta no exterior (EUA), de forma legal, e para lá transferir a sua riqueza, fugindo do iminente colapso da nossa economia, que está vivendo em várias bolhas (a de consumo e a imobiliária). Pode ser encontrado no Primeiro Acesso.

    Manual do Jacob – alternativa ao manual do Anonymous, para aqueles que almejam fazer uma poupança em dólar no exterior e não pode ir aos EUA. Os correntistas do Banco do Brasil podem fazer uma poupança no BB Américas (empresa da holding BB, mas com sede em Miami) pela internet mandando a documentação pelo correio. Depois basta enviar o dinheiro através de transferências pela internet. Tem o limite de U$ 3.000,00 / semana. Também está no Primeiro Acesso.

    MAV – Núcleo de Militância em Ambientes Virtuais – uma milícia virtual do PT. Pagos ou o por ideologia, atuam no mundo virtual, postando provocações, mentiras ou versões “estranhas” de fatos.

    mimimi – choro e reclamações dos 666 quando são motumbados de com força, em alguns dos seus negócios, mesmo tendo recebido anteriormente inúmeras advertências para não entrar na pirâmide financeira imobiliária que existe no Brasil.

    MODE ON – trata-se de expressão que, inserida após uma determinada palavra, ao final de um texto, indica a forma como o leitor deve interpretar o texto. Exemplo: ironia MODE ON, ou seja, o leitor deve ler tudo o que foi escrito anteriormente como uma ironia.

    Motumbo – Rei fictício afrodescendente que, na mitologia do site, é sinônimo da expressão Tomar No C* (ou TNC). Ou seja, o resultado negativo de um negócio mal planejado, no qual o 666 se meteu e irá destruir sua vida pelos próximos 20, 30 ou 35 anos.

    Motumbar – verbo transitivo indireto, 1º conjugação. Trata-se da ação praticada pelo Rei Motumbo, que consiste em uma alegoria que esconde o sentido de “se F*” ou “tomar no C*, de com força”, daquele investiTrouxa ou PropriOtário que adquiriu seu bolhudo e estará escravizado a uma dívida (muitas vezes impagável) durante décadas, que destruirá sua saúde e sua vida familiar. Portanto, a ação praticada é geralmente sofrida por um 666 e o agente da ação é o Motumbo.

    “Nem li o que ele escreveu” – diante da absurda falta de legitimidade do autor de um texto, exemplo, “ixpecialistas” do SECOVI, alguns leitores desconsideram as tolices registradas e ignoram seus pseudo-argumentos.

    Noroeste cabloco (ou Chaparral) – protótipo da Bolha Imobiliária brasileira, o paradigma da especulação e da ganância, localizado no coração do Brasil, no Distrito Federal. Inicialmente muitos imóveis chegavam a 14k/m2, atualmente o valor está em 7,5k/m2. Nas palavras de alguns membros do fórum: “Bairro da tia K. Ilha da fantasia. Bairro sem escoamento de merda, sem policiamento, sem luz, no qual o preço iniciou a de 14…15k m2 e hoje está a 7,5m.”

    Nova Ordem Mundial (NOM ou NWO) – A Nova Ordem Mundial (NOM) é uma teoria conspiratória (será?), na qual um grupo poderoso e secreto está planejando dominar e escravizar o mundo através de um governo mundial único. (Wikipédia).

    Núcleo Duro – composto pelos grandes doutrinadores do site Bolha Imobiliária, que criam as teses desta seita política: Miguel Jacó (O Profeta), MrK, CA, FH Martins, Justiceiro, Thiago FM, RosinhA – a grande, Semnick (a vidente), Matemático, André ZS etc..
    GB, o Rato hé-tero, atua como um bobo da corte, um comissário que busca tornar as teses mais fáceis de serem compreendidas pelos demais, criticando e fazendo a patrulha política-doutrinária no fórum. Apesar de ambíguo em suas escolhas, GB é implacável.

    “Os corvo pira” ou “os 666 pira!” – expressão baseada em música popular (“as mina pira!”) que indica um estado de alegria/euforia muito grande de uma determinada pessoa ou classe de pessoas, mas que não é duradouro, pois foi baseado em meros boatos do mercado.

    Pedalar – alimentar a bolha, continuar vendendo e comprando, a fim de manter uma situação impraticável.

    PERSONAL EGG – unidade imobiliária talhada sob medida para o “cerumano muderno”, que gosta de viver de forma compacta, simplificada. Tão “muderno” que já vislumbra no futuro a eliminação das necessidades fisiológicas. Geralmente tais apErtamentos tem menos de 30m2 e são divulgados na mídia comprada como a tendências das grandes cidades, proporcionando ao comprador uma vida “mais funcional”.

    Peteta – partidário do famigerado Partido dos Trabalhadores, pago para defender, no mundo virtual, a ideologia bolivariana desta religião política. Petralha, simpatizante do mesmo partido pode ser visto como um sinônimo de tal expressão… aqui no fórum tem um que é muito fanático, que se denomina Lins Marmo, ou como os colegas apelidaram, “marmota”. Deste personagem deriva o célebre raciocínio que “nunca antes na história deste país se comeu tanto feijão per capita, logo não há crise, nem bolha imobiliária.”.

    PLOC – expressão que indica que, mais uma vez, fica evidente que o estouro da Bolha está próximo.

    Poltrona Lazy Boy 2000 – melhor que o modelo 1999, mas pior que a modelo 2001. Trata-se de uma poltrona confortável e com assento reclinável na qual os bolhistas se acomodam comendo pipoca de microondas e tomando Toddy (de litrão) enquanto vêem o mercado indo pro buraco e aguardam o momento para comprar super baratinho com seu dinheiro super valorizado.

    PropriOtário – indivíduo que adquiriu o imóvel pós-2010 por X, esperando que valorizasse 2X para vendê-lo por 3X. Mas finge não vê que vale, na verdade, 1/2X e será vendido pós-2014 por 1/3X.

    PXPF – Pai Xicão de Passo Fundo ou as previsões do Pai Xicão. Seria um insider? Seria um profeta? Seria o segundo Elias? Não se sabe a natureza deste personagem, mas suas revelações desvendam o futuro, orientando muitos bolhistas na sua caminhada, evitando as tribulações do grande PLOC e as investidas futuras do Rei Motumbo.

    “qual é a metragem mesmo?” – expressão usada para desmascarar insiders imobiliários que tentam tumultuar a discussão de temas relevantes.

    “RECEBA!” – É a soma de “Çanguii”, “Motumbada” e “Foooguuu!” elevada ao cubo aplicada contra alguém. Praticamente o anúncio do Apocalipse. Pode se dar no plano individual (ex: um 666 que vê o seu lixinho bolhudaço se desfarelando, ou sendo tomado por não pagamento das prestações) ou coletivo (ex: os protestos mais “quentes” do RJX). Os fatos já expostos sugerem a existência de um “Mega-Receba” em escala nacional agendado para março de 2015. Entretanto, nada impede que este seja antecipado para 2014, talvez até antes da Copa.

    riZada – versão coRetorística da ação humana de ver humor mesmo em situações tristes ou trágicas, mas geralmente nas situações engraçadas mesmo. É abreviada por rz ou rzrzrzrzrz.

    Robert Shiller – Um dos vencedores do prêmio Nobel de Economia (2013), foi o primeiro economista a identificar a bolha imobiliária americana e denunciou a existência de fenômeno similar no Brasil.

    Sardinha – 666 que age como se estivesse em cardume, ao sabor das correntezas do mercado, de modo irracional, seguindo os demais, sem reflexão, e acaba sendo devorado pelos tubarões.

    SAC/Price – método de cálculo da “parcelinha que cabe no orçamento” decorrente do financiamento junto à instituição financeira. No método SAC a entrada é menor, e exige-se uma maior renda, mas haveria um decréscimo das parcelas, que não é real, se a TR aumentar. No método Price, existe uma constante do valor das parcelas (em tese), mas durante os primeiros anos paga-se praticamente apenas juros, enquanto que a amortização do Saldo Devedor (SD) só ocorrerá nos últimos períodos desta longa “via crucis”. Por esse método, exige-se uma renda menor e uma entrada maior, comprando-se com o método SAC.

    Satangoz Master – termo baseado no arqui inimigo de Jaspion, trata-se da encarnação do mal, ou seja, as destrutoras e imobolhiárias criadas para disseminar a maldade na terra brasilis e entre os 666.

    SD – Samy Dana, economista e autor do Blog do Samy (“http://blogdosamy.blog.uol.com.br/), que, com coragem, anunciou a existência de uma bolha imobiliária no Brasil.

    Secovi – Sindicato dos Corretores de Imóveis (ou Sindicato das Empresas de Compra, Venda, Locação e Administração de Imóveis Residenciais e Comerciais) – entidade isenta, desinteressada e neutra que em todas as entrevistas sustenta firmemente a posição de que não há bolha imobiliária no Brasil, tendo em vista a demanda reprimida e a índice de cimento produzido no Brasil, somado ao excesso de crédito e ao aumento absurdo da renda do brasileiro (e o pleno emprego da era DILMA). Na verdade, segundo tal instituição, o imóvel tende a valorizar 30% a.a., durante as décadas, logo, é o melhor investimento.

    Software Moderno (ou sofityuares modernus) – sátira com os softwares modernos supostamente empregados pelas destrutoras que permitem a tais empresas construírem seus LIXOS, com pouco cimento, economizando de tudo, a fim de obter o máximo de lucro. Tal emprego de sofityuare modernu, permite a edificação com o método da “alvenaria estrutural”, que é uma forma de construção que impede qualquer alteração na estrutura dos apartamentos, sob risco de colapso de todo o prédio.

    Spanistão – Espanha, onde uma bolha imobiliária muito similar à brasileira está em estágio mais avançado. Ara mais detalhes sobre este termo vide o divertido e didático filme: “http://www.youtube.com/watch?v=UJ8-dJ5WCo4, de Aleix Saló, sobre a bolha Imobiliária espanhola.

    SQN – (“Só que nauuum” ou “Só que não”) trata-se de abreviatura que tende a indicar um o real pensamento do leitor, contrário a uma afirmação anterior. Exemplo: “Eu tenho pena dos 666… SQN!”.

    $urreal – a moeda criada no Facebook que serve para exprimir a irrealidade dos preços no Brasil, sobretudo na sua capital bolhística, o Rio de Janeiro. A cotação atual: 1 $urreal equivale a 3,5 reais, ou seja, como esta é a moeda atualmente vigente no país, estamos pagando 3,5 vezes o valor das coisas, sobretudo os imóveis.
    Tia K – figura misteriosa, consideradas por muitos como a “mastertroll”. Apóstolo do paraíso e benesses existentes no Noroeste cabloco, no qual o metro quadrado inicialmente custava 14k dilmas/m2 e atualmente está a 7,5k/m2. Atualmente, depois de ter sido motumbada de diversas formas (conforme confissões íntimas no seu site de política & economia), ela despareceu. Segundo lendas urbanas, dizem que ela na verdade é um “ele”.

    “Toddy e Pipoca” – alimentos (ultracalóricos) que alguns Bolhistas consomem enquanto assistem sentados em suas confortáveis poltronas ao maravilhoso espetáculo da explosão da Bolha Imobiliária.

    Troll – corvo que não declara este seu status e ingressa no fórum do site do Bolha Imobiliária para apresentar suas razões que comprovam ã total inexistência de uma bolha especulativa de imóveis. Os argumentos são “jeniais”: imóvel nunca se desvaloriza; há um déficit crônico de moradias; o mercado ficou estagnado durante décadas; a renda da população aumentou, logo a demanda por imóveis também etc.

    Trollar – provocar um Corvo ou “propriOtário”, para que ele ofereça propostas e mais propostas para aquisição de um imóvel com preço inflacionado.

    Truco! – sinônimo de blefe, de golpe, que alguém tenta realizar em detrimento de outrem, mas é desmascarado. Baseado em jogo de cartas muito apreciado em São Paulo e Minas Gerais. Deve ser usada especialmente quando se referir a preços anunciados no ZAP Imóveis, já que o ZAP nada mais é que a principal carta do jogo, cujo objetivo é blefar pra ver se algum otário cai na conversa mole.

    Truco valendo o toba! – baseado no famoso vídeo do sujeito que achou que sabia jogar truco e perdeu. Ao ver a derrota sua frase célebre foi proferida: O rapai, perdi né…num sabia jogá! Isso lembra os bananenses que, depois que pegam bolhudos, encontram o Motumbo e acabam chorando

    Unidades monetárias – aqui no site, geralmente o Real (R$) é chamado de “Dilmas”, “bananias” ou “BR”, exemplo “1kk de dilmas” significa um milhão de reais. A nossa moeda também é representada por “BRL” ou por “bananais”. O dólar americano geralmente é chamado de “USD” ou “OBAMAS” (US$).

    “vai subir ainda mais” – mantra e dogma sagrado e indiscutível dos agentes do mercado imobiliário, repetidos a exaustão entre 2008 e 2011 mas que tem perdido força com o passar do tempo visto ser coisa criada pelos apresentadores do programa “Alienígenas do Passado”.

    Varanda Gourmet (Gurmê) – junto com a Xoxoteca, trata-se de item obrigatório nos “na pRanta”. Nos apartamentos decorados (fake-up ou “engana trouxa”), é local preferido de assinatura de contrato e propostas entre as 666s e os corvos. Obrigatoriedade possuir uma linda churrasqueira, a qual será fatalmente ponto de discórdia e brigas entre vizinhos.

    Xoxoteca – ambiente comum em condomínios, geralmente trata-se de um spa, absolutamente inútil, que apenas gera custos adicionais para sua manutenção. Ambiente muito útil, em sua epistemologia, mas que demonstra, também, as “novas mordomias da crasse Cê”.

    Xoxoster – denominação carinhosa para o Veloster, da Hyundai. Veículo muito desejado pelos 666 do sexo masculino, já que, perante tal veículo, segundo eles, “as mina pira!”. Tal veículo não será mais importado, como anunciado pela Hyundai, tendo em vista as críticas sofridas por ele, diante do seu fraco desempenho, tendo em vista modelos existentes em outros países.

    Yeah! – expressão utilizada para demonstrar aprovação em relação a algum acontecimento.

    Zumbis – são os 666 que após adquirirem os seus bolhudos não vivem mais, apenas tem uma sobrevivência focada no pagamento das “parcelinha” do financiamento do imóvel (alienado fiduciariamente, isto é, que é do Banco). Sua (falta de) vida (angustiada) apenas persiste para poder honrar mensalmente, em 35 anos, o imóvel (leia-se, a dívida) comprado. Mais detalhes, assista o filme A Servidão Moderna (2009) (um pouco esquerdalóide, mas bem aceitável. Uma crítica razoável).

    7+

    • Mineirausfall 5 de janeiro de 2020 at 17:13

      Que bonitinho… Essa versão fora postada bem na véspera da minha aparição.

      BOOOOOOOOOOOOO!!!

      0

    • bolha buritis 5 de janeiro de 2020 at 17:40

      TÓPICO, kkkkkkkkkkkkkkkkkk

      0

    • Derick 5 de janeiro de 2020 at 17:53

      😂 😂 😂 😂 😂 Muito top. 👊🏻 😎 👍🏻

      0

    • Rodrigo 5 de janeiro de 2020 at 18:19

      tópico;

      0

  • bolha buritis 5 de janeiro de 2020 at 18:13

    Vídeo novo do ET Bilu, ops, porquinho Viking.

    #068 Busque conhecimento

    2+

    • Neco 5 de janeiro de 2020 at 19:09

      Tem um vídeo do Lito canais aviões e músicas sobre isso.
      Erro grande da Cia.

      1+

    • Hidden (aquele) 5 de janeiro de 2020 at 19:24

      CVR …. nos meus tempos de Audit da petrolera Texana assisti uma palestra daquele caboclo que ficou famoso falsificação de bilhetes aéreos, rodou o mundo e vendeu muito bilhete falso e enricou, gastou, enricou… e foi preso pelo FBI!!! Depois virou consultor das empresas aéreas, e até tem um filme sobre ele com o De Carpio no papel principal…

      0

  • windville 5 de janeiro de 2020 at 19:43

    Enquanto isso na nossa fronteira ao norte!

    2+

    • windville 5 de janeiro de 2020 at 19:47

      Bom o primo rico já falou para tentarem a sorte.

      2+

      • Rodrigo 5 de janeiro de 2020 at 19:49

        Seguinte, o Irã não vai parar até ter a bomba e os EUA não permitirão em hipótese alguma que eles tenham a bomba.
        Logo não vai terminar de outra forma que não uma guerra.

        2+

        • Rodrigo 5 de janeiro de 2020 at 19:51

          Alguma solução melhor?

          0

          • bolha buritis 5 de janeiro de 2020 at 20:00

            Pulverizar o Iran antes da guerra.

            3+

            • Rodrigo 5 de janeiro de 2020 at 20:25

              Ia dar guerra da mesma forma.

              0

  • Hidden (aquele) 5 de janeiro de 2020 at 20:02

    Adriana Fernandes e Idiana Tomazelli, O Estado de S. Paulo
    22 de dezembro de 2019 …. como economizar $32 bi!! Tacalhe pau Guedao!!

    O cálculo foi incluído em estudo da Instituição Fiscal Independente (IFI) do Senado que traz uma ampla radiografia da evolução dos gastos com pessoal. O trabalho, que será lançado nesta semana pelo órgão de acompanhamento das contas públicas, foi feito para subsidiar os parlamentares na discussão da reforma administrativa em 2020.

    A IFI alerta que o fato de já ter ocorrido uma reforma focada na redução das despesas de pessoal (aposentadorias e pensões dos servidores) não diminui a necessidade de se discutir uma reforma administrativa, que vá além do problema orçamentário e ataque também os problemas de produtividade e qualidade dos serviços públicos.

    Pelos dados da IFI, o ano de maior diferença dos reajustes entre os trabalhadores do setor privado e os funcionários públicos foi em 2017. Naquele ano, os vencimentos e as vantagens fixas pagas aos servidores tiveram uma alta real de 7%, enquanto a variação da massa salarial dos rendimentos no setor privado foi de 1%. Se tivessem sido equivalentes, a despesa teria sido R$ 12 bilhões menor, aponta a IFI.

    Entre 2013 e 2018, a massa salarial dos empregados no setor privado formal caiu 0,7% em termos reais, enquanto os vencimentos e vantagens fixas dos agentes públicos, que incluem, além dos servidores, os trabalhadores temporários, estagiários e médicos residentes, cresceram 12%.

    Banho-maria

    A reforma administrativa, lançada como uma das prioridades da agenda da equipe do ministro da Economia, Paulo Guedes, foi colocada em banho-maria pelo presidente Jair Bolsonaro por conta da pressão dos servidores.

    “Este é um exercício para chamar a atenção para essa diferença e mostrar que é preciso estudar isso a fundo”, diz Alessandro Casalecchi, autor do trabalho. “Resolvemos colocar em números para ficar mais concreto.”

    Os dados da IFI mostram que, entre 2008 e 2018, as despesas de pessoal (incluindo militares) cresceram R$ 64 bilhões, saltando de R$ 248 bilhões para R$ 312 bilhões. No período, o crescimento dos gastos foi maior para os servidores militares (29%) do que os civis (25%). O aumento dos gastos de pessoal dos servidores civis se deu principalmente em duas épocas: 2008 a 2010 e 2016 a 2017.

    Os números apontam que, nos últimos 20 anos, a força de trabalho no serviço público (ativos) aumentou em 106 mil pessoas, saltando de 509 mil (1999) para 615 mil (2019). O maior crescimento (de 63%) foi de funcionários não estatutários, ou seja, celetistas, médicos residentes e trabalhadores temporários. Eles saltaram de 19 mil em 1999 para 87 mil em 2019. A parcela de servidores com estabilidade caiu de 96% para 88% nas últimas décadas.

    A evolução das contratações seguiu os ciclos eleitorais. Houve aceleração das contratações em anos de eleições, destaca o documento.

    O analista da IFI diz que houve uma preocupação do estudo também de esclarecer conceitos para qualificar o debate público sobre a reforma, entre eles o da estabilidade e do que integra as chamadas despesas de pessoal.

    Para o diretor executivo da IFI, Felipe Salto, como a reforma da Previdência só terá efeitos maiores no médio prazo, é preciso avançar com as reformas estruturais que ajudem a conter a despesa obrigatória: “Quadro fiscal ainda é problemático. O peso das receitas atípicas, como a do petróleo, foi elevado em 2019. O ajuste, até agora, concentrou-se em investimentos.”

    Na avaliação de Salto, a PEC emergencial – que permite, entre outros pontos, o corte de 25% no salário e jornada dos servidores – é insuficiente para resolver a questão. Ele recomenda que o governo abra a caixa de ferramentas e comece a mexer nas engrenagens para realizar um ajuste mais duradouro, que dependa menos de receitas extraordinários, como a devolução dos pagamentos de empréstimos pelo BNDES à União.

    Fui, inte.

    5% em todo o site! Cupom Maxmilhas incluso no carrinho!

    0

    • Rodrigo 5 de janeiro de 2020 at 20:23

      Em 20 anos, o número de servidores ativos aumentou 20%; a população aumentou mais de 30%.
      Problema são os aposentados, judiciário e empresas estatais.
      Solução: teto para os que já estão aposentados; teto para o judiciário e privatizar tudo

      2+

  • Mutuário 5 de janeiro de 2020 at 20:39

    Aos 10min20seg
    As zonas rurais deverão ser esvaziadas por políticas restritivas e as pessoas mandadas para as áreas urbanas onde o controle é mais fácil.
    Parabéns, Neco! Vc é a resistência!
    https://youtu.be/7LHMF9Kis84
    Agenda 21/Agenda 2030: Inventário e controle de tudo o que existe no planeta

    0

    • Neco 5 de janeiro de 2020 at 21:54

      Sei lá… muito complicado isso.

      O município que eu cresci lá na interior do PR já assinou um negocio desses com a o n u, mas não sei bem o que é.
      Mas é nítido que querem tirar toda a população da área rural.

      0

  • Neco 5 de janeiro de 2020 at 22:01

    https://g1.globo.com/mundo/noticia/2020/01/05/governo-de-maduro-anuncia-vitoria-em-eleicao-no-congresso-nacionalda-venezuela-oposicao-denuncia-golpe.ghtml

    “https://g1.globo.com/politica/noticia/2020/01/05/ministro-diz-que-brasil-nao-reconhece-resultado-da-eleicao-para-o-congresso-da-venezuela.ghtml

    O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, afirmou neste domingo (5) em uma rede social que o Brasil não reconhecerá o resultado para a Assembleia Nacional da Venezuela.

    Segundo o governo de Nicolás Maduro, o deputado Luis Parra, pró-governo, saiu vitorioso. Com isso, se tornou o novo chefe do Poder Legislativo no país.

    Principal líder oposicionista e autoproclamado presidente da Venezuela desde 2019, Juan Guaidó disse ter sido impedido de votar, e a oposição passou a dizer que houve um “golpe” na eleição.

    0

  • Neco 5 de janeiro de 2020 at 22:03

    https://www.reuters.com/article/us-iraq-security/iraq-wants-foreign-troops-out-after-air-strike-u-s-urges-leaders-to-reconsider-idUSKBN1Z409A

    O Iraque quer tropas estrangeiras fora após ataque aéreo; EUA exortam líderes a reconsiderar

    BAGDÁ (Reuters) – O parlamento do Iraque pediu neste domingo que as tropas americanas e outras estrangeiras deixem o país em meio a uma reação crescente contra a morte dos EUA de um importante comandante militar iraniano que aumentou os temores de um conflito mais amplo no Oriente Médio.

    1+

  • Neco 5 de janeiro de 2020 at 22:08

    https://www.reuters.com/article/us-kenya-security/three-americans-killed-in-al-shabaab-militant-attack-on-base-in-kenya-idUSKBN1Z404G

    NAIROBI / WASHINGTON (Reuters) – Três americanos – um militar dos Estados Unidos e dois contratados – foram mortos pelo grupo militante al Shabaab da Somália durante um ataque no domingo a uma base militar no Quênia usada por forças americanas e quenianas, disseram as forças americanas.
    ——————–
    O Porf. Bellei como sempre traça um quadro bem alarmista para a situação.
    ——————-

    As brigadas iraquianas do Kataib Hezbollah alertaram as forças de segurança iraquianas a pelo menos 1.000 metros (3.280 pés) de todas as bases americanas a partir da noite de domingo.

    As forças do regime sírio e as milícias iranianas dispararam três projéteis no campo de gás de Conoco, na área de Deir Ezzor, leste da Síria, e dois foguetes foram disparados na Zona Verde, onde a embaixada dos EUA está localizada na noite de domingo, após o ataque aéreo que matou o IRGC. O comandante da Força Quds, Qasem Soleimani, de acordo com relatórios árabes.
    Nenhuma vítima foi registrada no ataque de Conoco, segundo a fonte de notícias local Deir Ezzor 24.

    Jpost.com

    0

  • Neco 5 de janeiro de 2020 at 22:17

    Ouro abriu em alta nesta segunda no oriente:

    O ouro à vista XAU = subiu 1,2%, para US $ 1.569,47 por onça no comércio nervoso e atingiu o seu nível mais alto desde abril de 2013.

    Petróleo também sobe:

    https://www.reuters.com/article/us-global-markets/gold-oil-jump-in-asia-as-u-s-and-iran-trade-threats-idUSKBN1Z40Y2

    0

  • Neco 5 de janeiro de 2020 at 22:43

    1+

  • MrCitan 5 de janeiro de 2020 at 23:05

    Tropas prontas para o combate contra o irã.

    0

  • Neco 5 de janeiro de 2020 at 23:07

    0

  • Neco 5 de janeiro de 2020 at 23:12

    A BORDO DA FORÇA AÉREA UM – O presidente dos EUA, Donald Trump, ameaçou sanções contra Bagdá no domingo, depois que o parlamento do Iraque convocou as tropas dos EUA a deixar o país, e o presidente disse que se as tropas saíssem, Bagdá teria que pagar a Washington pelo custo da base aérea lá .

    “Temos uma base aérea extraordinariamente cara que está lá. Custa bilhões de dólares para construir, muito antes do meu tempo. Não vamos embora, a menos que nos paguem “, disse Trump a repórteres no Air Force One.

    Trump disse que, se o Iraque pedir que as forças dos EUA saiam e isso não tenha sido feito de maneira amigável, “cobraremos sanções como nunca haviam visto antes. Isso fará com que as sanções iranianas pareçam um pouco domésticas”.

    https://www.jpost.com/Breaking-News/Trump-threatens-sanctions-on-Baghdad-after-lawmakers-call-on-US-troops-to-leave-613235

    1+

    • MrCitan 5 de janeiro de 2020 at 23:16

      Parlamento do Iraque tá querendo ser anexado?
      Se os Estados Unidos saírem de lá, já era pra eles.

      2+

      • Neco 5 de janeiro de 2020 at 23:20

        As forças do mal ainda tem força no mundo.

        O mal não vem a não ser para roubar, matar e destruir.

        O que o mal quer é destruir nações, escravizar o povo e estabelecer dominação. Mas eles não conseguem entender isso.

        1+

    • Derick 6 de janeiro de 2020 at 00:10

      All-in motherfuckers!

      0

  • Neco 5 de janeiro de 2020 at 23:33

    Desidério Guampa – Violência Contra o Homem

    Até quando isso vai continuar?Quer receber esse video no seu Whatsapp?mande uma mensagem para 46 99129 7070Inscreva-se:https://www.youtube.com/channel/UCz1EBopKRrtVNznyyGDAAFg

    Publicado por Desidério Guampa em Quarta-feira, 8 de agosto de 2018

    0

  • Enoch Root 6 de janeiro de 2020 at 01:14

    lord hope
    FIRST NAS COLINAS!
    bom domingo nostálgicamente pós-apocaliptico…
    Eu posso dizer que fui hiper-mega-prepper… quando alguns aqui estavam pensando em talvez estocar comida, eu estava com a familia de mala e cuia em direção às colinas… Transmontanas
    Quando decidi sair de banânia eu não estava totalmente certo de que ela iria para o buraco, mas havia uma GRANDE probabilidade disso acontecer, e para mim esse sempre foi o mote para agir: Se algo é completamente inviável e danoso e tem uma razoável chance de ocorrer, não penso duas vezes – faço as malas e digo adeus – rumo ao sossego, que é o que importa.
    Tenho familiares que me dizem “viu, não aconteceu nada, brasil ta melhorando…” mas e se não? não conseguimos desviar de balas, podemos apenas evitar o tiroteio, foi o que fiz.
    Hoje ao olhar para aqueles tempos escuros e desesperantes , vejo como minha qualidade de vida mudou de forma vertiginosa, de como minha familia está mais saudável, unida e feliz, de como cresci em todas as áreas… exceto a capilar…
    Façam o que tiver de fazer. AJAM.
    O maior arrependimento não é do que fazemos, mas sim do que deixamos de fazer.

    16+

    Eh mais ou menos o meu sentimento e motivacao. Nao vou esperar dar merda pra me arrepender de algo q nao fiz. Quando a decisao de sair foi tomada, o objetivo primeiro era escapar da merda. Mas o segundo objetivo era nao ter de se preocupar com ela novamente.

    Agora, visitando o Bananistao, como esta tudo caro, em reais por aqui. Pqp! Qquer roupinha mais ajeitadinha na Renner ta 200-300 pila! Com menos de 100 vc soh compra trapo. Que houve? Ficaram rycos na minha ausencia?

    5+

  • Enoch Root 6 de janeiro de 2020 at 01:44

    https://mobile.twitter.com/AlinejadMasih/status/1150105699097161728

    Jah qcestamos falando do passado. Que tal o passado do Iran?

    0

  • Leonardo M. 6 de janeiro de 2020 at 02:59

    CVR

    Finais de semana trabalho como motorista de aplicativo.

    Peguei 2 venezuelanos que acabaram de chegar em Chapecó é vieram do MT.

    Perguntei o porquê de virem pra cá e os mesmos dizem que rola nos grupos de whatss de venezuelanos que Chapecó paga bem(se for comparar o salário de U$3 que eles ganhavavam na Venezuela, dai sim)E que não falta emprego em Chapecó.
    Resumindo, isso tudo já venho falando. Até final do ano vamos ter uma invasão venezuelana em uma cidade pequena.

    Ao contrário doa haitianos que pelo menos trabalham e não moram em favela os venezuelanos já não ligam muito para isso. Prevejo o aumento de barracos e favelas na cidade nos próximos 12 meses.

    E ainda para piorar a FAB ajuda a trazer venezuelanos do norte do Brasil pra cá com voos 0800.

    3+

    • Leonardo M. 6 de janeiro de 2020 at 03:02

      Detalhe

      Veio a família toda

      O rapaz, irmãos, país, avós, tios e um total de 12 pessoas.

      Mas vieram do MT que estavam lá faziam 2 anos mas os salários eram baixos segundo ele(R$1200).
      Estão atrás dos salários altos de Chapecó(Pandeiro vai desconfirmar isso kkkkk).

      3+

  • Deyves S. Guedes 6 de janeiro de 2020 at 10:26

    Veshhh, perdi a virgindade de gás lacrimogeneo e de correr da tropa de choque em 1992. Para minha vergonha fui massa de manobra, um cara pintada.

    Apesar de ter melhorado muita coisa, ainda tenho minha cartilha do apocalipse zumbi. Moro numa chácara a 19 km de uma cidade pequena. E tenho fornecimento independente de agua. hehehehehe. Não consegui enterrar o gerador, e o bendito estraga facil aqui por conta da umidade.

    1+

Marcação de Comentários

Selecione a partir de qual dia e hora os comentários devem ser marcados como não lidos. Deixe a hora em branco para marcar todos os comentários do dia. Pressione CTRL + ↓ para navegar pelos comentários não lidos.

Plugin desenvolvido por Alex Silva.